Dormindo com o Inimigo

Dormindo com o InimigoPT

aly  Em andamento
goodnovel16goodnovel
0.0
Avaliações insuficientes
37Capítulos
2.4Kleituras
Ler
Adicionado
Denunciar
Resumo
Índice

" - Você realmente acha que o divórcio fará com que eu fique longe de você? - Stephen apertou o braço de sua ex mulher, puxando-a para mais perto de si. - Querida, eu vou te fazer perceber, que esse foi sua maior burrada." " - Eu não estou preparada para um outro relacionamento. - Laryssa diz, cheirando as rosas em suas mãos, com bastante dor no coração. Alex não se abala com aquelas palavras e aproxima-se de sua amada. - Vou estar aqui, até que você se sinta pronta para me amar." Depois de conseguir se livrar de um casamento longo e repleto de agressões, Laryssa está disposta a esquecer todo o seu passado, ao lado de sua irmã, na Califórnia. O lugar paradisíaco e quente, local de cenas de filmes famosos, será palco do provável romance entre Laryssa e o dono de um restaurante a beira da praia, do alto e belíssimo Alexsander Donovan. Alex, como gosta de ser chamado, está disposto a usar todo o seu charme e paciência, para conquistar a tímida e assustada, Laryssa. E fazê-la perceber, que quando é amor, não há dor.

Ler mais

Você também vai gostar de

Comentários Deixe sua avaliação no aplicativo
Não há comentários
37 chapters
Um
Enquanto o marido dormia, Laryssa reparava na maneira violenta que seu peito subia e descia, conforme ele respirava. Parecia que ele estava furioso, mesmo dormindo.Cautelosamente ela se levanta, e ainda o observando, ela se afasta da cama. Devido a falta de claridade e por estar checando se o marido ainda dormia, ela acaba pisando em um caco de vidro.— Merda.Após resmungar, Laryssa olha novamente para a cama e observa o marido se mexer. Uma vez que ela confirma que ele ainda está dormindo, ela volta a caminhar, dessa vez com mais cuidado por onde pisava e vai para o banheiro.Laryssa se senta no vaso sanitário e ergue a perna, observando o pequeno vidro fincado em seu pé. Felizmente era vidro de po
Ler mais
Dois
— Ei? Você está bem?Uma vez que aquele homem começa a se abaixar para se aproximar de Laryssa, ela rapidamente se levanta e da dois passos para trás.— Sim. — ela responde, olhando para o chão.— Tem certeza? Você ficou muito... ei?Assim que se firmou, Laryssa deixou aquele homem falando sozinho e disparou para o vagão onde iria. Ela olha em volta, sem saber ainda se quer encontrar a companhia de leito ou apenas ficar sozinha.A mulher acaba optando por se sentar sozinha e olha o cardápio que tinha a sua frente. Com sua visão periférica, ela pode ver o homem que havia trombado nela, passar.
Ler mais
Três
Andar em um conversível, pelas ruas de Los Angeles, era pedir para receber sol e vento constante no rosto. Laryssa com a calça jeans e blusa de mangas longas que vestia, soava bastante. Porém, ela se sentia de uma maneira, que faziam anos que não era possível.Ela estava feliz.Feliz por estar ao lado da irmã mais nova, que não via desde que a menina se mudou para estudar engenharia em outra cidade. Mas principalmente, por estar longe do marido agressivo.— Caramba, Lary! Eu estou tão feliz de você estar aqui. Tenho tanta coisa para te mostrar.Laryssa sorri, ao olhar o imenso sorriso que sua irmã estampava.H
Ler mais
Quatro
Haley e Laryssa permaneceram abraçadas por muito tempo, até que a mais nova se revoltasse mais do que já estava.— Vai trocar de roupa. — ela diz, secando o rosto da irmã. — Nós vamos sair e conversar.— Hal, eu não quero falar sobre Stephen.— Mas nós vamos e ao mesmo tempo, vamos esquecê-lo para sempre. Tudo bem?Laryssa apenas assente e observa sua irmã mexer nas poucas roupas que trouxera.— Nós vamos precisar fazer compras urgente para você, mas por enquanto... hmmm... aqui. Vista isso. Você calça trinta e sete, não é? — ela balanç
Ler mais
Cinco
— Seu amigo? Tem certeza?Já era a quinta vez que Laryssa perguntava. Ela não conseguia acreditar na coincidência de ter esbarrado justamente com um amigo de sua irmã.— Mas o que ele fazia naquele trem? — ela pergunta, querendo achar algum motivo para Alexsander ser uma pessoa ruim. — Sendo dono desse lugar, ele poderia muito bem viajar de avião. Não precisaria de horas naquele lugar.Haley suspira ao mesmo tempo que ri.— Alex é cheio de problemas pessoais. Ele costuma visitar um tio de consideração, em Cincinnati, quando precisa espairecer. Então ele pega um trem e fica alguns dias fora.

Ler mais

Seis
Os três jantaram tão animadamente, que Laryssa foi capaz de esquecer todo o drama que sua vida carrega. Ela sorria, diante de cada coisa engraçada que Alex e Haley compartilhavam, de algumas saídas.Quando Haley decide que é hora de ir embora, Laryssa se despede com um breve aceno e se afasta, para deixar que os dois amigos se despeçam. Ela observa, quando eles cochicham algo e riem daquilo. Após um abraço caloroso, Haley deposita um beijo na bochecha de Alex e então se junta a irmã.— Hal, eu posso fazer uma pergunta?— Claro, Lary. — responde, ligando o carro.— O Alex... quer dizer... vocês...

Ler mais

Sete
Após sua primeira noite de sono completa e sem nenhum pavor, Laryssa despertou com bastante disposição.Ela sorri ao enxergar sua imagem no espelho do banheiro, feliz com o modo que seu cabelo estava. Haley tinha mãos de anjo e conseguiu consertar o estrago que Stephen havia feito. Aquele gesto fez com que Laryssa ficasse nas nuvens o dia inteiro.Haley passou o dia fora trabalhando, mas quando a noite se aproximou, ela entrou em casa repleta de bolsas. Parecia que tinha passado o dia no shopping, ao invés do trabalho.— Cheguei! — ela informa, deixando as bolsas ao pé da escada. — Lary, cadê você?Laryssa não foi capaz de ouvir, pois estava no banheiro, to
Ler mais
Oito
— Você entendeu o que vai fazer? — Alex pergunta. — Posso explicar mais uma vez, caso queira.— Não. Eu entendi. Eles vão me mostrar o convite e eu vou escanear para ver se é real e o nome da pessoa. Se a luz ficar preta, é vip. Se ficar verde, salão. Se ficar vermelha, não está na lista.Alex sorri. Apesar de ser um trabalho fácil, ele estava feliz por ela ter entendido tudo de primeira. A última coisa que ele queria, era problemas com a irmã dela. Haley era muito brigona e defendia quem amava com unhas e dentes.— Ótimo. — ele diz. — Bem, vou mandar abrir e vou receber o pessoal do vip. Qualquer coisa, você me chama. Tudo bem?

Ler mais

Nove
No final do evento, Laryssa estava na porta à espera de sua irmã. Ela não havia visto Alex o resto da noite e ela só conseguia pensar em como ele devia estar arrependido, de ter lhe dado uma oportunidade.— Você é uma burra. — ela resmunga, para si mesma. — Provavelmente vai viver para sempre na sombra da sua irmã mais nova. Provavelmente não, com certeza!Ela estava tão preocupada em se culpar, que não notou Alex se aproximar. Ele cruzou os braços e ficou encarando-a de maneira divertida, enquanto a mesma, se martirizava.Atrás de todo aquele drama, Alex enxergava Laryssa. Obvio que o vestido justo, com aquele decote, ajudou, mas ele a enxergava. Ela era bastante bonita e aparentava se
Ler mais
Dez
Logo que chegaram em casa, Laryssa e Haley vão para seus respectivos quartos, afim de tirar as roupas que vestiam e tomarem banho. A mais velha estava tão radiante e extasiada, que não conseguia dormir. Vestindo um dos pijamas que sua irmã havia lhe emprestado, Laryssa deixa o quarto e vai até o de Haley. — Atrapalho? — ela pergunta, logo que sua irmã diz para entrar.— Claro que não, Lary. Vem aqui.Haley se ajeita na cama, dando espaço para que sua irmã deite ao seu lado. Laryssa coloca a cabeça no peito da mais nova, que acarinha seu cabelo.— Não consegue dormir? — Haley questiona.— Estou animada demais para conseguir.O peito de Haley balança, indicando uma risada. — Eu falei que Alex era um bom rapaz.— Como o conheceu? — Ah. — Haley ri novam
Ler mais