Holly Montoro - Presa a um monstro

Holly Montoro - Presa a um monstroPT

Karla bernardes  concluído
goodnovel16goodnovel
0.0
Avaliações insuficientes
63Capítulos
11.2Kleituras
Ler
Adicionado
Denunciar
Resumo
Índice

Ela era uma garota apenas 15 anos sonhos a serem realizados ,porem, no dia que era para ser o mais importante sua vida ela e levada a força por um estranho mais mal sabe ela que o destino dos dois foram ligados-Jason Terranova um deus grego que por onde passa deixa as mulheres passando mal mais um rostinho lindo e um corpo escultural podem possuir sombras de um passado e presente macabros ele fez um acordo um governador uma terra distante , porem, ao invés buscar sua prometida quando a mesma fosse mair idade ele resolve ir busca-la no dia do seu aniversário de 15 anos e a trancando em uma torre ate ela completar 19 anos de idade-Será que no meio de tanta dor e escuridão existe uma luz no fim do túnel e uma esperança para o amor

Ler mais

Você também vai gostar de

Comentários Deixe sua avaliação no aplicativo
Não há comentários
63 chapters
Capítulo 1
Holly  4 anos antes.    Hoje é o dia mais feliz da minha vida, pois faço quinze anos hoje esperei o ano inteiro para fazer essa idade e seria um dia esplêndido como minha mãe e o meu pai já deixaram tudo arrumado agora era só esperar a hora da festa começar, acordei tão feliz hoje que levantei da cama em um pulo rodopiei pelo quarto radiante me sentindo nas nuvens escuto baterem na porta ela se abre e vejo minha mãe passando por ela e a fechando— Eu pensei que você ainda estivesse deitada meu amor – fala animada vindo em minha direção— Aí mãe eu acordei tão animada hoje – corro para perto dela e a abraço— Feliz aniversário meu anjo – beija a minha testa mais eu sinto ela preocupada com algo— Mãe aconteceu algo? – lhe questiono começando a me preocupar— Não minha filha não aconteceu nada – fala tentando disfarça mais eu a
Ler mais
Capítulo 2
Holly 4 anos depois.    Até hoje eu lembro do rosto banhado em lágrimas da minha mãe mesmo depois de quatro malditos anos que estou presa nesse quarto que parece a torre de um maldito castelo às vezes me pego pensando se meus pais e meu irmão estão bem diariamente uma senhora vem trazer a refeição para mim no dia que eu cheguei tentando pergunta porque eu estava aqui mais nada ela entrou muda e saiu muda não tem nada aqui além de umas prateleiras cheias de livros para me entreter às vezes abro a janela e fico olhando para o horizonte pensando na merda de vida que eu tenho agora eu já pensei em fugir pela janela mais assim que olhei para baixo desiste, pois, eu não sou suicida escuto o barulho da porta se abrindo e vejo a mesma senhorinha de sempre entrar com uma sacola e a colocar em cima da cama— Senhorita Montoro eu lhe trouxe esse vestido, pois o senhor Terranova quer
Ler mais
Capítulo 3
Jason  4 anos antes.    Já faz alguns anos que eu tinha uma prometida aquela que carregar vai meu herdeiro legítimo meu pai que na época ainda estava vivo fez o favor de me arrumar como noiva uma menina de 14 anos o que eu um homem formado iria fazer com adolescente o acordo era casar quando ela completasse a maioridade, mas eu tive que fazer umas mudanças meu pai morreu em um tiroteio e eu peguei o seu trono sendo o seu único filho seria meu de qualquer jeito minha mãe não aguentou ficar sem o amor de sua vida e morreu de tristeza por isso eu não queria me apegar a ninguém eu tinha minhas fodas de uma noite, mas para dar continuidade ao nome da minha família teria que ser ela.Holly Montoro...  Não esperaria 4 anos longe para a ter como esposa então aqui tem todo um plano perfeito seria uma verdadeira carnificina, mas eu não tenho dó de ninguém só quero a g
Ler mais
Capítulo 4
Holly     Acordo com o sol em minha cara e uma dor de cabeça insuportável esfrego as mãos em meu rosto olha para o meu corpo e vejo um vestido Então como um soco as lembranças do jantar de ontem vem em minha mente levanto rapidamente e começo a tirar aquele vestido do meu corpo e rasgado chorando não querendo acreditar no inferno que estou vivendo por culpa daquele infeliz, corro em direção ao banheiro entra no box liga o chuveiro e me sento no chão abraçando os meus joelhos encosto minha cabeça com a água caindo me permito chorar termino meu banho enrole uma toalha em meu corpo e vou para o quarto como que só tem uma cama uma estante com alguns livros e uma cômoda aonde tem algumas roupas pego algo fresco e me visto após vestida me sento na cama e começa a pentear meus cabelos na mesma hora ouço barulho da porta me tremo de medo só de pensar que seja ele querendo vir me fazer mal, mas assim que vejo Justine entrando c
Ler mais
Capítulo 5
 Jason       Acordo com uma claridade que me incomoda olho e vejo a porcaria da cortina aberta odeio quando o sol entra aqui nesse quarto era para as cortinas estarem fechadas deixo esse detalhe de lado me levanto e caminho lentamente para o banheiro lá tiro minhas roupas entra no box ligo o chuveiro e começo a tomar meu banho minutos depois de mino e enrolo uma toalha em minha cintura e vou para o closet vista uma cueca box coloca o meu terno preto como de costume calça meus sapatos de couro italiano arrumo meu cabelo o jogando para trás e passando gel em seguida passo um perfume e coloca o meu Rolex e me olha no espelho— Você está um gato - digo me admirando no espelho    Pego as chaves do carro no criado e saio do meu quarto caminho pelo corredor olhando algumas mensagens e respondendo os e-mails desço as escadas e vou para sala de refeições assim que chego lá o café já está posto me sen
Ler mais
Capítulo 6
Holly 1 mês depois.     As semanas foram passando rapidamente e com ela logo chegou o dia da minha morte pois casar com aquele cara para mim era isso a morte eu sabia que o meu martírio só estava começando eu não quis participar de nada desse casamento nem o vestido eu escolhi pois não quis participar dessa palhaçada só fiquei aqui no meu quarto passei 5 anos presa aqui então me acostumei a chamar esse lugar de lar me levanto e vou direto para o banheiro faço minha higiene e depois volto para o quarto caminho até a janela e abro e fica olhando para o horizonte escutou a porta se abrir olha por cima do meu ombro e vejo Justine entrar com uma bandeja e depositar na pequena mesa O que há no  quarto— Menina venha tomar seu café da manhã pois hoje você terá um dia cheio - me chama e eu vou— Claro pois hoje é o d
Ler mais
Capítulo 7
Holly 3 Dias depois.   3 dias se passaram desde o dia em que eu vendi minha alma para o demônio e de lá para cá as coisas só andam piorando pois sempre que eu me a ele o mesmo me espanca violenta diariamente às vezes eu penso em acabar com meu sofrimento mas daí eu penso melhor , penso na minha mãe , no meu pai e no meu irmão e desisto na mesma hora dessa ideia boba todas as noites é a mesma coisa infelizmente eu tenho que dormir no mesmo quarto que ele.   acordo com a claridade em minha cara que novidade pois o parto sempre fica numa penumbra esfrego meus olhos e paro e fico quieta e olho para o meu lado ultimamente até respirar perto dele me deixa com medo olha para o lado e vejo que ele não está suspiro aliviada sento na cama me esticando me levanto e vou direto para o banheiro me olho no espelho e vejo as marcas que ele
Ler mais
Capítulo 8
Jason       Três dias desde o dia do meu casamento haviam se passado confesso que é meio estranho uma só de imaginar o corpo delicioso da minha jovem esposa e da fome de tela a minha mercê de novo eu queria ter sido Gentil na sua primeira vez mas a recusa dela trouxe o inferno para fora de mim então eu tomei a força confesso que nos ternos é verdadeiro eu foi melhor do que fingir essas merdas sentimentalismo ser romântico não é para mim.       Se eu já tive amor por alguém? Sim somente pela minha mãe não digo o mesmo pelo meu pai que foi Um carrasco comigo e também teve aquela traidora da Lili mas essa aí comeu o capim pela raiz pois eu odeio traidores as outras foram somente sexo mesmo sai dos meus pensamentos quando a porta do meu escritório se abre e magaiver passa por ela— O que você está fazendo aqui - ele disse se jogando em uma
Ler mais
Capítulo 9
 Holly     A cada dia que passa a convivência era cada vez pior as agressões eram constantes agora eu sou só um rascunho de quem eu era antes para respirar perto dele eu tinha que pensar a cada passo que eu dava pensava em como andar ou respirar perto dele eu ando literalmente em ovos perto dele as agressões na maioria das vezes eram sem motivos ele é muito instável na maioria das vezes Jason muda sem motivo nenhum eu já estou tão cansada quando ele resolve me tratar com carinho isso me bagunça por dentro teve uma vez que eu enchi a banheira de água e tentei me afogar mas ele chegou na hora e me impediu o que resultam em uma surra que me deixou de cama por vários dias a única que vem aqui me ver e a Violet ela virou uma grande amiga para mim a única ela sabia de todas as atrocidades e não aprova nada a mesma disse para mim que já passou por isso mas o seu marido nunca bateu nela a maioria das vezes
Ler mais
Capítulo 10
Jason1 mês depois.   Um o mês se passou desde o casamento e a minha rotina vem sendo a mesma de antes mas é claro que com alguns bônus sempre chegava tarde em casa depois de me divertir com algumas putas ruas e a minha "mulher" estava lá para mim fazer o que eu quisesse com o seu corpo às vezes ela me irrita com a sua choradeira de sempre todos as vezes eu me irrito e acabo batendo nela.     Algumas vezes eu até que tento ser carinhoso com ela aí eu vejo o brilho de medo em seus olhos e isso já é alguma forma me alimenta ou quando ela conta para Violet o que acontece entre quatro paredes às vezes eu sinto algo dentro de mim que eu não sei explicar todas as vezes que eu não acho com ela seja na hora do sexo ou quando eu bato nela mas eu sempre trato de tirar isso da minha cabeça.    Estou e
Ler mais