CASO PROIBIDO

CASO PROIBIDO PT

JS Livros  Completo
goodnovel16goodnovel
0.0
Reseñas insuficientes
28Capítulos
4.0Kleídos
Leer
Añadido
Denunciar
Resumen
Índice

Giorgina é uma guria gaúcha, que sempre conviveu com sua família de forma simples, a mesma teve uma oportunidade única que sua dinda conseguiu para ele, o que a levou para o Rio de Janeiro, para a empresa Negócios Chimmond, sua tia conseguiu um estágio para ela em uma das melhores empresas do país, tudo estava para dar certo , recém formada , um estágio perfeito, profissional competente o problema é o seu chefe...um CEO muito cobiçado, e cheio de regras.

Leer más

También te gustarán

Comentarios Deje su reseña en la aplicación
No hay comentarios
28 chapters
CAPÍTULO 1
Havia finalmente chegado, estava na frente de minha nova casa, não era lá grande coisa, era um prédio simples, arrisco dizer ...simples até demais.   Eu nunca fui rica, então não era tão exigente, saio do uber e pago o mesmo, era a segunda vez que andava de avião e isso era emocionante para mim, a primeira vez foi quando fui para a casa de minha tia que aliás mora aqui no Rio de Janeiro mesmo, eu sou gaúcha, nasci na cidade de Pelotas ,sou  Brasileira me formei recentemente em Design Digital na faculdade em Pelotas UFPel e estava procurando emprego na minha cidade, mas, o mercado Pelotense é mais desenvolvido para comércio básico de vendas e compras, do que propriamente para um mercado amplo como grandes empresas internacionais, por isso, lá Marketing e design...não tem muito mercado, mas eu Mary Giorgina consegui uma oportunidade indispensável, minha Tia Elisa se casou com um homem rico recentemente , minha tia é do tipo de mulher que corre atrás do dinhei
Leer más
CAPÍTULO 2
O carro logo para na frente de um restaurante lindo, conhecido como Pobre Juan na barra da tijuca, tinha um ar praiano lindo e aconchegante, com toque de elegância, logo o motorista de minha tia abre a porta para que eu desça eu fico sem jeito mas desço, olho ao redor e para motorista , em seguida digo:   __Obrigada.   Ele sorri de forma educada e pede que eu o acompanhe assim faço, logo seguimos para dentro do restaurante era um local elegante as cadeiras com estofados brancos davam contraste com as mesas de madeira polidas, e a decoração amadeirada do local, em seguida o homem me guia até minha tia logo me sento agradecendo ele novamente que pede licença para nós duas, saindo do local, olho para Elisa e digo:   __Oi tia.   Era o que eu conseguia falar, a mesma sorri de forma elegante e linda, ela era linda seu cabelo marrom escuro estava em um coque bem delicado , a mesma vestia um vestido tubinho
Leer más
CAPÍTULO 3
Era o grande dia, hoje era Domingo e eu iria na boate com meus primeiros amigos aqui no Rio, passei o sábado inteiro caminhando na praça em frente ao prédio para conhecer melhor o bairro que eu estava. Mas, agora eu estava animada procurando um vestido para ir na boate, comemorar com Isa e Erik.   Estava na frente do espelho, experimentando o terceiro vestido, eu trouxe somente três não achei que eu iria sair para uma boate e fazer amizade logo de inicio, estava vestindo agora um vestido vermelho tubinho até o meio da coxa , decote reto e alcinhas finas, era simples mas ficava bonito em mim, deixo meu cabelo marrom escuro solto, meus fios lisos caiam ondulados até meu busto, passo um batom vermelho e uma maquiagem simples mas bonita para festa. Em seguida coloco os saltos pretos e mando uma mensagem no celular para Isa:   EU: ISA tô pronta, qual o nome da boate? Para mim avisar para o uber?<
Leer más
CAPÍTULO 4
Assim que chegamos no corredor de seu prédio, sinto sua mão me agarrar de forma gostosa pela cintura me puxando para ele, eu amo sua pegada, ele não aparentava ser um garoto novo que corria ansioso ao pote, no carro ele havia sido paciente flertamos todo tempo, nossa conversa era safada e gostosa, mesmo  ele aparentando ter uns vinte oito anos, mas aqui no corredor, ele começava a se soltar, mostrando o que ele queria.   Seus lábios levemente rosados pousam nos meus , eu retribuo seu beijo saboroso, gostoso, molhado. Em seguida ele me pega em seu colo, eu cruzo minhas pernas ao redor de sua cintura, em meio aos beijos e amassos, sua mão corria por minha bunda apertando , logo agarrava minha coxa de forma firme e gostosa, me colocando de costas na parede, em meio a um beijo safado onde ele morde meu lábio e puxa de leve me fazendo arfar e adorar, sua língua passa em meu pescoço de leve,  em seguida mordendo de leve meu ombro, ele continua a caminhar com
Leer más
CAPÍTULO 5
Eu chego no meu quarto, já era sete e quinze, corro para o banheiro e tomo um banho de quinze minutos, visto a primeira roupa que vejo, uma saia preta tubinho e uma blusa branca , com um sapato preto de salto pequeno, pego meu celular e o carregador coloco dentro da bolsa ,  só tinha vinte por cento de bateria, corro saindo do quarto, saio para a rua, para o corredor do prédio, era vinte para as oito e pego meu celular de dentro da bolsa e começo a pesquisar um uber próximo para pedir a corrida e logo escuto a voz conhecida de Erik:   __Giorgina! Nossa! Eu fiquei preocupado sabia? Eu e Isa, você sumiu na boate...   Ele me olhava preocupado, o mesmo havia me pego de surpresa ao aparecer assim, o que de inicio causou um semblante surpreso em mim, após escuta lo penso se conto para ele sobre a noite de ontem, que eu havia saido com alguém do bar, mas por fim, decido que  não era sensato falar para ele que passei a noite com Max, já qu
Leer más
CAPÍTULO 6
Eu caminho para o fundo, para trás de todos os estagiários, Isabella nota isso mas olha confusa para mim, Max estava agora na frente de todos os estagiários e olha rapidamente para todos ele fala:   __Sejam todos bem vindo a Chimmond.   Sua voz era firme , possante e objetiva, ele continua:   __Diariamente vocês todos  vão ter objetivos para cumprir, em grupo ou individual, durante a semana que surgirá, chamarei duplas para ir trabalhar em meu escritório, sobre minha observação, assim irei cuidar da performance de cada um, selecionarei a dedo, quem fica e quem sai da empresa, nas primeiras duas semanas , alguns já vão sair.   Engulo a seco, estava escondida no fundo, atrás de todos torcendo para ele não me vê, o que acredito que deu certo pois, logo Max vai para o corredor que seguia em direção á sua sala ele fala em um tom firme:   __Alex e Samara.   Do
Leer más
CAPÍTULO 7
Os segundos pareciam eternos, até que Max quebra o contato visual e olha para Jenna e para mim, meu olhar corre para o chão e pelo local, não focando nele, o mesmo fala:   __Senhoritas, preferem trabalhar juntas ou individual?   Eu digo:   __Por mim tanto em grupo quanto individual esta tudo bem.   Meu olhar vai para o seus olhos azuis que me olhavam, logo meu olhar corre para o vaso de flor perto da pequena sala, Jenna fala:   __Eu trabalhar com ela? Não , não, é a pior de todas, ela rouba as ideias dos outros.   Eu olho séria para Jenna, encaro a mesma que me olha de nariz empinado, a raiva que sentia era tanta que não consigo falar nada, a vontade que tive era de pular no pescoço daquela garota, nossa que mulher terrível essa sonsa, logo noto que Max olhava para mim, um olhar sereno e sem expressão, eu cruzo meus braços e nada digo, estava séria, ele apena
Leer más
CAPÍTULO 8
O fim da sexta passou lento , minha companhia era a Netflix, até que no sábado pela manhã Isa me chama pelo w******p:   ISA: Oi amiga, vamos ir na boate hoje de noite? EU: Isa, oi, vamos sim, tô precisando respirar um pouco. ISA: Erik vai com a gente e Alex também. EU: Alex? ISA: Claro, vou apresentar ele para vocês hoje, relaxa. EU: Tudo bem.   Sorrio, somente Isa para me fazer rir assim, ela e os casos dela, pelo menos alguém se divertia, logo meu celular toca, eu vejo o remetente era minha mãe logo atendo:   __Oi mãe.  Escuto ela gritar para meu pai abaixar o som da música, de certo ele estava animado hoje, sauda
Leer más
CAPÍTULO 9
Ele olhava para mim intenso, o mesmo fala:   __Não quero ficar sem você Giorgina, não consigo.   Meu coração pula de alegria em meu peito,em nossa ultima conversa tinhamos combinado de sermos apenas colegas, meu olhar no dele era de surpresa, mas antes que eu pudesse falar algo, seus lábios deliciosos consomem os meus de forma fogosa, sua mão aperta minha cintura colando mais nosso corpo um contra o outro, sua outra mão pousa em minha nuca puxando meu cabelo de leve e pressionando meu rosto contra o dele, meus braços emendam ao redor de seu pescoço, eu queria aquele beijo eu desejava aquele beijo, sua língua passeia em minha boca, explorando cada detalhe faço o mesmo com minha língua em sua boca, cada canto, chupo seu lábio ele morde de leve o meu, afastamos nossos lábios por centímetros um do outro, ele diz:   __Vamos sair daqui.   Sorrio de leve, digo:   __Preciso m****r uma me
Leer más
CAPÍTULO 10
Eu vestia uma bermuda jeans clara , uma sapatilha preta e uma regata branca de alcinha fina, meu cabelo ainda estava molhado quando desci do carro, o motorista abre a porta eu sorrio para ele e saio, agradeço a gentileza dele em abrir a porta para mim, estava no mesmo restaurante que aquela vez almocei com minha tia, então adentro o local e a vejo, mas, ela não estava sozinha, o marido dela estava com a mesma, minha tia vestia uma calça jeans justa e clara, um sapato de salto social vermelho, uma regata de seda perolada e um blazer vermelho, com seu cabelo marrom escuro e luzes em algumas mechas seu cabelo solto e ondulado, caia em cascatas contornando o belo rosto dela, minha tia Elisa era uma deusa do século vinte e um só pode, tanta beleza em alguém é a única explicação, ao me aproximar deles noto seu marido ele era alto, cabelo loiro, seus  olhos azuis intensos me lembrava Max , mas, o  sorris
Leer más