Você Agora é Minha

Você Agora é MinhaPT

Tata_Do_Sol  Em andamento
goodnovel18goodnovel
0.0
Avaliações insuficientes
16Capítulos
5.1Kleituras
Ler
Adicionado
Denunciar
Resumo
Índice

"- Quem fez isso com você? - E.eeu cai - Vou perguntar denovo- Ele falou de forma autoritária- QUEM FEZ ISSO COM VOCÊ? - Foi só uma briga com meu namorado, nada demais! Ele então me colocou sobre seu sofá e foi até a porta. - Descanse, eu não demoro. - Onde vai? - Vou ensinar seu EX-namorado babaca a como se trata uma mulher" Desde que Sarah Gilbert trabalha para Rafael Guzman, ela aprendeu algumas coisas com o homem, a primeira é que ele não aceita um não como resposta, sempre corre atrás do que quer; a segunda é que ele é possessivo demais, logo de cara ela achou melhor evita-lo. Mas, ele tinha planos pra ela, como nunca permitir que ela se afaste, Sarah era dele, e ele não medirá esforços para tê-la.

Ler mais

Você também vai gostar de

Comentários Deixe sua avaliação no aplicativo
Não há comentários
16 chapters
Capitulo 01
Rafael Guzman A tempos vejo minha secretaria desfilando por essa empresa, Sarah Gilbert sabia exatamente como enlaçar uma pessoa, e foi exatamente isso que a m*****a fez comigo. Desde que a vi um objetivo surgiu em minha mente, te-lá apenas para mim, sabia tudo sobre ela, ser um rico mafioso tem suas vantagens, porém meu choque foi imenso quando descobri que ela namorava, e o pior, o cara é um babaca, gasta todo salário em bebida e drogas. Apesar de já ama-lá, devo confessar, minha mulher tem um gosto questionável! Não faz parte da minha conduta matar sem necessidade, mas eu estava a um passo de deixar isso de lado e acabar com esse desgraçado. Faço coisas como mandar mensagem de duplo sentido pra ela, mandar vestidos justos e decotados para que ela me acompanhe em festas, e devo confessar, isso é um desafio até pra mim, os homens a encaram muito, mas sei que eles não poderiam toca-lá. Também a coloco para fazer horas extras, assim não sobra tempo pros dois, e sei que o filhote
Ler mais
Capitulo 02
Sarah Gilbert Sabe quando parece que tudo está contra você, pois é, o dia estava muito quente hoje, e pra piorar o ar condicionado pifou, só funcionava na sala do chefe, eu estava com um terninho três peças, que esquentava pra caramba. Podia sentir meu corpo queimando por baixo dessa roupa, mas estou firme, era o que eu pensava, quando me levantei pra levar a agenda do SR.Guzman senti minha pressão cair. - Bo.o.m dia Sr.Guzmam, sua agenda de hoje está a..qui. espera só um minutinho- Coloco o ipad em cima da mesa e coloco minhas mãos sobre a testa, numa tentativa inútil de me acalmar, vi o Sr.Guzman se levantar e vir até mim numa velocidade impressionante.- Eu tô bem. Foi o que disse antes de cair nos braços do meu chefe, não tem como fica pior , ele agiu de forma rápida tirando meu terno e me deixando somente de peças íntimas, seus olhos pousaram nas marcas da violenta que sofri ontem, pois é, piorou - Quem fez isso com você?- ele indagou
Ler mais
Capitulo 03
Rafael Guzman ⚠️Cenas de Tortura⚠️ Fui até a mesa e peguei um soco inglês, em seguida caminhei em direção a ele, vendo o terror em sua face, acertei um golpe em sua barriga e logo vi o corte surgir juntamente ao grito de dor. -Sabe o motivo dessa tortura??- perguntei já acertando outro soco - AI PORRA! NÃO SEI SEU FILHO DA PUTA!- ele gritou - Vou refrescar sua memória- disse já pegando um chicote- Minha mulher chegou até mim toda machucada- acertei o chicote em seu rosto lembrando a raiva que passei - Não sei quem é sua mulher cara, não tem como eu machucá-la- ele me respondeu tremendo. Dei mais uma chicotada, que petulância, o torturado chamando o chefe da máfia colombiana de cara! - A mulher que infelizmente dividiu o mesmo teto que você, sabia que devia ter sequestrado ela assim que a vi, mas manipulei você- fiz uma pausa para dar ênfase na fala, soltei o chicote e peguei uma faca- Os vestidos caros, as horas extras, mensagens de duplo sentido, eu queria acabar com es
Ler mais
Capitulo 04
Sarah Gilbert Acordei num quarto grande e uma cama espaçosa, não sabia onde estava e muito menos como cheguei aqui. Escutei uma porta abrir e vi meu chefe passar pela mesma com Kitty nos braços, assim que me viu a gatinha pulo em minha direção. -Já acordou- ele suspirou aliviado- Perdão a intromissão, sua gatinha estava arranhando a porta e achei melhor abrir, antes que ela fizesse um buraco - falou entre breves risinhos. - Onde estou? E quem me trocou - perguntei acariciando minha gatinha que ronronava no meu colo. - Em casa, digo, na minha casa, desmaiou no meu escritório e achei de bom tom trazê-la para cá, e eu te dei banho e te troquei, mas foi só por que você ardia em febre, e suas feridas ainda estavam abertas - a realidade me atingiu com tudo, me vi sem expectativas e na casa do meu chefe, comecei a chorar e me desculpar, mas Rafael apenas me abraçou, repetindo que tudo ia ficar bem. - Faremos assim, essa casa é muito grande para eu viver sozinho, portanto fique o tempo q
Ler mais
Capítulo 05
Sarah Gilbert Já estou na quinta imobiliária, por algum motivo desconhecido por mim nenhum lugar me atende, são sorridentes até me olharem, juro, o brilho do olhar até some. - Vamos almoçar Sarah, precisamos comer e descansar, conheço um restaurante ótimo que fica a uma quadra daqui. Ele segurou na minha mão e me puxou. Depois de uns 2 minutos caminhando chegamos ao tal restaurante, parecia muito chique pra mim. As paredes são de um marrom marroquino lindo, alguns objetos dourado enfeitam o lugar, e eu teria ido num Mc da vida, mas enfim, se ela pagar tá tudo sob controle. - Eu não tenho dinheiro pra bancar um lugar desse- falei em seu ouvido, tem que fazer a sonsa né galera. - Não se preocupe- ele disse me puxando pela cintura e olhando feio ao redor. Tentei retirar seu braço da mim mas não obtive resultado, ele somente me apertou mais, de forma que não consegui evitar grudar nele. Depois de passar pela recepcionista fomos levados até uma mesa mais afastada, ele pegou o c
Ler mais
Capítulo 06
Sarah Miller - Está muito molhada, nem sentiria minha língua, não poderei sentir teu sabor em minha boca, mas o sentirei de outra forma.- Abri os olhos para encará-lo, ele retirou a mão de minha intimidade- Agora vou me enterrar em você Sarah, e não terá mais volta. Será minha. Ele tirou a bermuda e se ajoelhou na cama, abrindo minhas pernas e as circulando pelo seu quadril, ele entrou em mim muito rápido, me arrancando um grito de prazer. O empurrei na cama e subi em seu colo, cavalgando com força, ele coloca a mão em minha bunda para me auxiliar, e vez o outra a apertava ou batia nela. Meu suor pingava e eu estava ficando cansada. Ele inverteu as posições, socando seu pau mais forte dentro de mim, e com algumas estocadas eu já estava quase lá. - Vo..ou gozaar- disse agarrando seu braço. - Vam..vamos juntos. E assim obtivemos a nossa libertação juntos, ele se deitou em cima dos meus seios enquanto recuperavamos o ar que nos faltava. ⚠️Fim do hot⚠️ - Esse foi o melhor sexo da m
Ler mais
Capitulo 07
Rafael Guzman Sarah dormiu no meu ombro, era uma sensação reconfortante tê-la assim, mas meu olhar se direcionou ao seus seios, minha mãe não pode me amamentar por um problema hormonal que não a permitiu ter leite, eu nunca pude mamar, isso me marcou psicologicamente, de forma que sou apto a lactofilia, tenho o desejo de ser amamentado. Não sei se devo falar pra Sarah, ela pode me achar ainda mais estranho, acho que já a assutei bastante para uma semana, mas confesso que me deu água na boca ver seus seios tão bonitos perto de mim. Sarah não tem peitos grandes, mas do tamanho ideal pra mim, fico louco para pô-los na boca, imagina se saísse leite. Quando ela se apaixonar eu falo disso, até lá eu fico na vontade não farei nada que ela não queira. Ela se remexeu um pouco e eu a ageitei na cama, acariciei seus cabelos enquanto ela abria os olhos de forma lenta. - Acho que peguei pesado na anestesia, amanhã vai estar melhor. - Falei suave. - As coisas tem mesmo que ser assim? Eu ia te
Ler mais
Capítulo 08
Rafael Guzmán Agora começa o treino da Sarah, sei que vai ser muito difícil para ela, treine tão bem quanto necessário. Camilla e a Issana cruzarão a porta juntas, conversando animadamente, são melhores juntas, cresceram dessa forma e se tornaram mais fortes como mulheres, mostrando para a máfia o quanto as damas que as apoiam e são fortes. Em um mundo antes dominado por homens, elas chutaram barreiras e fizeram um bem para todos. Verdadeira irmandade. - Bom dia mulheres lindas, como vão? - pergunto, analisando as duas, mas não sorrio muito, Camilla acabou de me chutar, estou fazendo contorcionista. - Bom dia o caralho, liga meu melhor amigo- falou acendendo um cigarro- Mais isso me trouxe uma alegria, estou com a dúvida porque posso evitar me aproximar dos outros.- diga que eu desisto - Bom dia, antes que eu te deva isso- Issana deu me um soco. - Qual é o problema? - pergunto, limpando um pouco de sangue dos meus lábios. - No sequestro um seu louco, péssimo, aquele cara, Fonc
Ler mais
Capítulo 09
Sarah Gilbert Quando as meninas foram embora já eram umas 20h, eu peguei um caderninho e de forma disfarçada anotei toda movimentação da casa , percebi uma mudança de guardas de 20 em 20 minutos. No portão da frente tinham 2 guardas, um em cada ponta, e uma guarita, onde ficava mais um, 7 guardas vigiavam o jardim, fui andando pela cozinha até a saída, fingir tomar um ar e olhar as estrelas e vi 5 guardas pelos fundos. Umas 21:30h eu tomei um banho, num tô em Phytria, se eu não o fizer, vou feder a peixe!Quando deu 22h a Dona Vera me chamou para jantar, desci as escadas e o vi. Rafael, como pode um homem ser tão bonito??? Me sentei com um pouco de dificuldade, estou bem dolorida.- Deve se sentar ao meu lado Sarah- disse ele com uma voz grave, ele tinha uma enorme carranca, alguma coisa deve ter acontecido, não vou provocar, quero passar despercebida. Me levantei e outra vez a dor me invadiu.- Vamos comer, depois iremos ter uma conversa séria.- e assim foi, a refeição seguiu silenci
Ler mais
Capítulo 10
Sarah Gilbert Okay, eu passei a semana focada no treino e nas aulas de etiqueta, tem tantas coisas que podem dar errado, em uma única reunião, aprendi que não devo responder Árabes, apertar a mão de mulheres chinesas e nem comer primeiro que os convidados. Que absurdo, eu morta de fome que sou tenho que esperar eles se servirem. Ainda essa semana, conheci outro lado de Kay, o grosso, ele vem me treinando de forma rigorosa, quando fui apresentada a ele, pensei que fosse gente boa vi que era, mas, conheci Kay homem da Cami e não o mafioso, o cara é o próprio capeta. - Tem dificuldade em ficar parada Senhorita Gilbert? - é óbvio que tenho, se não fosse por isso já tinha feito essa pose- Vou pedir que as meninas lhe passem exercícios de equilíbrio, e quem sabe de coordenação motora também, já que nem consegue mirar. - Debochado. Estou com uma arma de pressão, ele disse que teria que começar com isso para não matar nenhum soldado, mas eu teria mirado nele, vagabundo. Com muita co
Ler mais