O Chris e Eu...

O Chris e Eu...PT

AnonimolsSA  En proceso
goodnovel16goodnovel
0.0
Reseñas insuficientes
46Capítulos
545leídos
Leer
Añadido
Denunciar
Resumen
Índice

"— Eu tentei… juro que tentei me manter afastada, só que quanto mais eu tentava, mas meu coração rasgava…" Melissa Williams sofre um acidente e como forma de punição, é obrigada a ir morar com a avó em outro estado, ela achou que seria só mais umas férias qualquer que a ajudaria a eliminar seus problemas que tanto a afligia. Mas Melissa não imaginava que essas "férias" mudariam sua vida. Christopher Williams, o cara legal, típico solteiro convicto de si, apaixonado pela família e com um único objetivo ajudar a sobrinha a encontrar seu lugar na ilha e então cair fora. Ou não... Lutar ou não lutar por esse amor? Essa será a pergunta que Melissa e Christopher se farão a todo momento. Dois apaixonados, um segredo... Um amor proibido e o medo. Será que bebidas e festas serão o bastante para afastar dois corações apaixonados que anseiam por um único toque? NÃO É INCESTO!!

Leer más
Comentarios Deje su reseña en la aplicación
No hay comentarios
46 chapters
Prólogo
Acordei sentindo uma forte dor de cabeça, ouço vozes mas não atrevo-me abrir os olhos, então fico apenas escutando.— Ela vai ficar bem?— Claro, foi apenas um susto… sua filha teve sorte senhor Philipe.Em seguida ouço passos, deduzo que tenham saído do quarto, então finalmente arrisco abrir os olhos. Mas me arrependo no segundo seguinte.— A senhorita está encrencada mocinha!Levo mais um tempo para raciocinar o que papai está dizendo, minha cabeça lateja muito forte, consequência da bebedeira de ontem.— O que estava pensando da vida Melissa? Faço todos os seus gostoso, te dou tudo o que você quer e é assim que você retribui?— Claro, o senhor me dá tudo o que quero, né papai? Menos o mais importante, a sua atenção! — digo alterada.— Deixe-a querido, do jeito que ela está não vai adiantar nada você gastar seu tempo. — reconheço imediatamente a d
Leer más
Melissa
Sabe quando você sente que tudo que você acredita, todas suas crenças, vontades e medos se unem transformando-se em um só? É dessa forma que estou me sentindo nesse carro, enquanto observo as plantações por onde nós passamos, meus pensamentos voam longe... estou de frente para o desconhecido, este é outro lugar, outras pessoas, tudo "novo" e estou com tanto medo de não saber lidar, medo de passar uma visão errada sobre quem sou. — Chegamos. — ouço papai tirando-me do meu devaneio. — Como? — questiono ao perceber que estamos praticamente no meio do nada. — Os carros não podem atravessar a água, precisamos pegar a balsa. — disse como se fosse óbvio… na verdade até era. — Benzinho, você não me disse nada sobre balsa… benzinho,
Leer más
Melissa
Acordo bufando com o barulho irritante das galinhas… ou galos, sei lá. Desço as escadas dando de cara com vovó e tio Chris. — Meu Deus. — disse Christopher assim que botou os olhos em mim, levando um tapa de vovó em seguida. — Bom dia querida dormiu bem? — Dormi sim vovó, obrigada! — Não parece.. — sussurrou Chris. — Como é? — Licença. — pegou um pequeno espelhinho no bolso. — Olha. — virou o espelho para mim, quase tive um treco ao me ver, maquiagem borrada, cabelos nas alturas parecendo a Ana do Frozen, e tenho quase certeza que estou com bafo. Sem muito pensar solto um grito agudo. — Vai estourar meus tímpanos maluca. Não dou ouvidos ao que Christopher fala, volto correndo pro quarto me tr
Leer más
Melissa
Saio do banheiro enrolada na toalha, e me assusto ao ver Christopher jogado na minha cama com meu livro na mão.— O que tá fazendo no meu quarto. — puxo meu livro de suas mãos e coloco na cômoda. O mesmo me analisa com um sorriso que não consigo decifrar.— A sutil arte de ligar o foda-se, sério? Não faz muito o estilo de princesa…— Primeiro o livro é muito bom e segundo eu não sou nem uma princesa, até queria ser mas infelizmente não foi dessa vez, quem sabe numa próxima? — me olhou com cara de tédio, que não permaneceu por muito tempo, já que logo voltou a falar.— Então quer dizer que a princesa sofreu um acidente? — reviro os olhos com sua fala carregada de deboche.— Não foi acidente! — respondo penteando os cabelos. — Papai não acreditaria, mas tenho certeza que meu carro foi jogado da estrada.— Você estava bêbada pode ter imaginado isso.— Alôô, aquela não
Leer más
Melissa
Christopher dispara em passos largos, acredito que fosse para chegarmos logo no carro que estava no meio do grande estacionamento.— Dá pra andar mais devagar? — dou um gritinho, ofegante enquanto tento alcançá-lo.— Estou andando no meu normal! — É sério? — paro colocando a mão na cintura. — Olha o tamanho das suas pernas. — ele olha pra baixo. — Olhou? Agora olha o tamanho das minhas pernas, sem contar que andar rápido de salto é muito difícil. Chris solta um suspiro entediado. — Então tira os saltos princesa.— E andar descalço nesta terra? Não obrigada. — Chris caminha até minha, abaixa um pouco e me pega pelas pernas me jogando no seu ombro. — Chris o que tá fazendo? Ficou louco?— Resolvendo o nosso problema.— Christopher Williams me coloca no chão agora. — distribui tapas pelas suas costas.— Falar como minha mãe não vai adiantar
Leer más
Melissa
Chris e eu decidimos almoçar no haras mesmo, já que não havíamos comido antes de sair de casa, quer dizer eu não havia comido, porque o Chris sim, mas já que estávamos aqui iríamos aproveitar.— A gente podia cavalgar né? Me engasgo com o suco que estava bebendo, parece que Chris tem o dom de me fazer engasgar, meu Deus.— Como eu já te falei, nunca toquei num cavalo quanto mais cavalgar então não vai rolar.— Ah qual é deixa de ser chata. — reviro os olhos com tamanha petulância.— Christopher, eu não sei andar de cavalo. — falo pausadamente— Você vem comigo ué, a gente divide o cavalo.— Aja paciência, meu Deus. — levanto batendo a sujeira da calça. — Tá que seja, vamos logo.— Eu sabia que você ia topar. — sorriu vitorioso pegando em minha mão e me puxando pro estábulo. Chris sorriu abrindo a baia.—
Leer más
Melissa
Nessa última semana muita coisa mudou, Chris parou mais de ser arrogante, Letícia e eu nos aproximamos bastante, tenho visitado o haras com frequência e devo dizer que até troquei os saltos por tênis e por fim houve melhora significativa em Estrela o que é muito bom, se levarmos em conta o fato que me sinto ligada a ela desde o primeiro dia em que a vi.— Tá pronta princesa? — e não, ele não parou de me chamar de princesa.— Eu já nasci pronta, meu bem.— Mantenha a respiração controlada, ele vai seguir os seus comandos. Tenta não puxar muito as rédeas e também não afrouxa muito. — disse Jordan, eu iria montar pela primeira vez. — Vai.Após o comando de Jordan sussurro um "vamos garoto" e o Trovão começa a correr, me assusto com sua voracidade e puxo as rédeas, acredito que não deveria ter feito isso porque trovão ficou muito alvoroçado, empinou relinchando, eu até tentei me segurar mais não consegui, sendo assim fu
Leer más
Melissa
— Não, não e não Melissa. — disse Chris mais uma vez tentando fugir da minha ideia de ir até Cambridge, uma cidade vizinha, comprar morangos. — Definitivamente não.— Por favor Chris, nunca te pedi nada. — falei manhosa com carinha de cachorro que caiu da mudança.— Você é insuportável cara!— Isso é um sim?— Vamos logo antes que eu me arrependa. — sorri vitoriosa.— Aiiii você é demais Chris. — pulo em seus braços. — Precisamos avisar a vovó antes.— E que fique claro, você me deve uma.— Tudo o que você quiser. — percebo um sorriso nos lábios de Chris. — Bom nem tudo...No caminho liguei para vovó Selena e avisei o que iríamos fazer, ela disse que éramos loucos e que não havia necessidade para isso. Mas como eu disse a missão das comidas foi designada a mim e eu não deixaria ninguém tomar o meu lugar.Foram aproximadamente uma ho
Leer más
Melissa
Acordo assustada percebendo que já eram oito e meia da manhã, totalmente fora dos planos já que o festival era amanhã e Chris e eu tínhamos várias receitas para fazer. Tomo um banho rápido e desço para a cozinha.— Acordou cedo hoje. — diz vovó lendo seu jornal matinal.— Fora do ideal. — respondo mal humorada.— E qual seria o ideal? — desviou a atenção do jornal, tirando os óculos olhando para mim.— Umas seis ou sete… até a senhora já vai sair, tá vendo. — digo ao nota-la bem arrumada.— Tenho um compromisso com as damas.— Vovó qual é o quarto do Chris?— O da frente do seu querida.— Não brinca? — digo extasiada, a semanas estou aqui e nunca vi esse bendito quarto.— Ele não costuma fazer barulho, por isso nunca notou. Mas me diga o que quer com seu tio a essas horas?— Acordar ele vovó, temos muita coisa para
Leer más
Melissa
Com o amanhecer do dia, Lety mandou alguns rapazes buscarem as comidas feitas por mim e Chris, e pelo que eu soube já estava acontecendo o festival. Mas nós não podíamos ir ainda pois tínhamos que esperar papai chegar de Londres. Sentada no sofá lendo After, ouço a porta da frente abrir, levanto as visitas olhando e vejo por ela passar meu pai exibindo seu típico terno preto, rodando seu rolex no pulso. Sua clara reação de ansiedade. Desvio meus olhos da porta e volto a focar no livro à minha frente. — Obrigada. — essa voz eu conhecia, olhei novamente pra porta e vejo Chloe adentrar a mesma. — Ai meu Deus, Chloe… — corro em direção a mesma abraçando-a. — Que saudades. — Saudades também minha amiga. — Que tal um abraço em
Leer más