AMOR PERFEITO

AMOR PERFEITOPT

Evilyn Sá   Em andamento
goodnovel12goodnovel
0.0
Avaliações insuficientes
20Capítulos
2.7Kleituras
Ler
Adicionado
Denunciar
Resumo
Índice

Alicia foi criada pela mãe. Seu pai morreu em um acidente de carro quando ela tinha apenas oito anos e sua mãe sofreu para criar os três filhos sozinha, com muito esforço e muita dedicação. Considerada uma garota lutadora, Alicia consegue uma bolsa para cursar direito na universidade mais bem vista do país. Dedicada e decidida, ela tem em sua mente que apenas irá se concentrar nos estudos. No entanto, tudo muda quando sua amiga Luiza a convence a ir numa festa na casa de seu namorado e lá ela conhece Oliver. Bonito e charmoso, ele sabe muito bem como conquistar uma garota, mesmo sendo o garoto mais problemático que ela já viu. Tendo como foco principal seus estudos, Alicia tenta não se envolver, no entanto, uma aposta muda tudo.

Ler mais

Você também vai gostar de

Comentários Deixe sua avaliação no aplicativo
Não há comentários
20 chapters
CAPÍTULO 1
          Ser a única menina no meio de dois irmãos não é nada fácil, primeiro porque eles são os queridinhos da mamãe, ela faz tudo por eles e eu a única filha mulher, sou obrigada a ajudar na casa. Alicia faça isso, minha mãe grita da cozinha, ou Alicia faça aquilo, agora gritando da lavanderia e enquanto eu corro de um lado para o outro meus dois irmãos, Anthony e Luca, ficam sentados na frente da televisão jogando videogame. Anthony é o mais velho, já terminou a universidade e ainda não saiu de baixo das asas da minha mãe. Luca é o mais novo o bebê da casa, quase vômito quando ela começa a melação por causa dele. Suspiro frustrada quando ela me grita pela terceira vez seguida.- Aliciaaa - grita nervosa, vejo que está ficando vermelha de raiva então solto um risinho, que a deix
Ler mais
CAPÍTULO 2
          Estava ansiosa devido à festa, tudo o que passava pela minha cabeça era, primeiro tropeçando e caindo na frente de todos, segundo Lu me apresentando a um rapaz e eu começo a dar risada, feito um porco, terceiro errar o nome das pessoas, com certeza esses são os meus piores pesadelos, mas ao me analisar no espelho concluo que estou até bonita, Luiza cacheou meus cabelos e me maquiou, no dela simplesmente alisou e depois eu a maquiei. Estamos prontas só esperando o Marcos passar para nos buscar, Lu não para quieta andando de um lado para outro daqui a pouco ela irá abrir um buraco no chão de tanto andar.- O que foi? – pergunto curiosa.- Estou nervosa para revê-lo tem umas duas semanas que não nos vemos – ela explica ainda andando de um lado para outro.- Vai abrir um buraco no chão assim – digo e ela ri.- Olha como minhas
Ler mais
CAPÍTULO 3
          Depois do acidente com Oliver passei o tempo todo cuidando para não causar nenhum acidente ou algum outro mico, Luiza passou a maior parte do tempo grudada no Marcos enquanto eu apenas olhava em volta entediada. As vezes notava Oliver me observando, mas não retribui não quero que ele pense que estou interessada nele. Mas parece que quanto mais eu ignorava ele, mas me olhava, até que todos os rapazes convidaram alguém para dançar e assim foi formando pares até que só ficou eu, a nojenta da Melissa e o Oliver, ele não convidou ninguém por um tempo. Ficou sentado observando os casais dançarem, até que Melissa levantou e o convidou para dançar, cai na gargalhada interna quando ele recusou e ela saiu sem graça para o banheiro. Fiquei tão distraída observando Melissa que não notei ele se aproximar de mim, ah! não! Ele vai me convidar, não posso, mas como dizer não para aqueles olhos verdes e sorriso encantador? Suspiro frustrada quando ele para n
Ler mais
CAPÍTULO 4
          Amanheceu lindo, ensolarado com o céu azul e nuvens branquinhas, um vento fresco e gostoso batia em mim me fazendo sentir mais animada para conhecer o zoológico. Marcos e Luiza optaram em ir ao cinema. Nos deixando sozinhos para o passeio, fomos ao carro de Oliver conversando o trajeto todo e rindo, com certeza ele é uma boa pessoa e alguém que eu gostaria de conhecer melhor, se não fosse o curso com certeza não estaria sendo tão chata no quesito romance.- Você vai amar aqui – ele diz me puxando.- Com certeza vou sim – falo sorrindo devido à empolgação dele, parece uma criança indo pela primeira vez conhecer aos animais. Já entrando vejo um arco gigante escrito zoológico, ele pega um pequeno mapa e decide que devemos começar pela jaula dos leões, nunca vi algo tão grande e assustador, ele me mostra o mapa novamente e pergunta onde quero ir. Escolho o santuário dos gorilas, tiramos uma foto e rimos, depois vamos conhecendo cada santuário e e
Ler mais
CAPÍTULO 5
          Os dias que se seguiram passaram feito um borrão, Luiza tentou de várias maneiras falar comigo, mas não quero conversar com ela; pensei que ela fosse minha amiga que nunca esconderia nada de mim, ainda mais algo que ela sabia que me magoaria. Conforme adivinhei meu rendimento nas aulas começou a cair, Oliver tentou de todas as formas possíveis, falar comigo, me mandou mais de cinquenta mensagens, me ligou umas vinte vezes. Ficava me esperando na minha ala, quando eu saia tentava falar comigo, mas eu sempre dava um jeito de fugir dele. Até que ele cansou e parou de correr atrás me dando um pouco de paz e espaço para pensar. Resolvi que já estava na hora de ir visitar minha família, sinto falta deles, e minha mãe vai conseguir me ajudar a colocar as ideais no lugar, Luiza me faz muita falta, ela era a única que eu podia contar nos momentos difíceis, faço minhas malas, arrumo as roupas para um final de semana e minha ex-amiga chega.- Só para te av
Ler mais
CAPÍTULO 6
           No dia seguinte ganhei alta do hospital, estava cansada de ficar ali parece que quanto fica mais doente você se sente, Oliver me levou no colo até o carro, achei um exagero afinal já consigo andar, mas ele insistiu então aceitei, minha mãe retornou para casa. Anthony ligou e pediu o seu retorno, Luca ficou doente e ele não sabia como cuidar dele. Mas Luiza garantiu que cuidaria de mim e Oliver também, até achei estranho pois ele veio sozinho me buscar, jurava que Luiza estaria junto.- E Luiza? – pergunto desconfiada.- Ela foi comprar um quite de primeiros socorros para seus curativos e fazer uma compra, em casa está sem nada na despensa – olho para ele e parece nervoso.- Você está bem? – estou muito desconfiada.- Estou sim linda – ele dá um sorriso torto mas ainda sim estou curiosa.- E Marcos? Não se importa de ter uma doente na casa dele? – falo brincando para descontrair.- Não, ele disse que não conhece ninguém que t
Ler mais
CAPÍTULO 7
          O mês passa rapidamente e as férias de julho chegam, duas semanas livre dos professores, colegas chatos e preocupações com notas ou provas, Oliver ganhou a aposta e não para de se gabar, em todos esses meses nunca o vi tão feliz, mas ele não falou nada de namoro sério estou quieta esperando algum sinal de pedido. Já se passou uma semana desde que a aposta acabou mas ele não tocou no assunto em nenhum momento. Luiza tenta me tranquilizar mas confesso que estou apreensiva, decido que o melhor vai ser confiar nele. Enquanto organizo as minhas roupas escuto meu celular vibrar, olho e vejo uma mensagem:“Linda se arrume vou levá-la para jantar beijos Oli”Mostro a mensagem desesperada para Luiza que sorri para mim, então decido que está na hora de estrear o vestido preto novo que eu havia comprado, é difícil ter ocasião para usar um vestido preto mais longo. Luiza me ajuda a me arrumar, alisa meu cabelo e me maquia, me analiso no e
Ler mais
CAPÍTULO 8
          Meu único pensamento era que eu queria que esse dia acabasse o mais rápido possível, pelo, o que Oliver me explicou estávamos indo para o tribunal onde um juiz iria transferir os bens para ele, normalmente em casos de herança através de testamento não é nada burocrático o juiz só irá confirmar que Oliver é o dono de tudo e fará a liberação dos bens para ele ter pleno acesso e o pai dele passa a não ter mais pleno uso do dinheiro, só se Oliver fizer a liberação diante do juiz o que eu duvido muito que faça, na verdade não tenho nem ideia do que ele fará com o pai dele. Quando chegamos no local percebo que logo isso será o meu trabalho, sempre estarei em um tribunal mas não como apoio de alguém mas sim como advogada lutando diante de um juiz por alguém que necessita dos meus serviços. Vai ser como assistir a um exemplo do que irei fazer, vai me ajudar e muito na universidade e quando o professor de direitos humanos pergunta o que fiz nas férias direi
Ler mais
CAPÍTULO 9
          Assim que Oliver conseguiu tempo nós fomos de carro até a casa da minha família, tudo o que eu conseguia fazer era rir, ele estava realmente muito tenso devido aos meus irmãos, primeiro porque pensava que eles não iriam gostar dele, segundo porque eles eram dois e ele apenas um e terceiro porque ele não sabia como interagir com muitas pessoas em um ambiente. Sempre foi sozinho e agora que mora junto de Marcos a única pessoa que ele convive é com o melhor amigo. Começo a rir quando ele pergunta o tamanho dos meus irmãos caso ele precise fugir, ele solta uma risada e pisca para mim, mas o meu verdadeiro foco é a minha família estou com muitas saudades, faz muito tempo que não os vejo minha mãe até vi depois do assalto mas os meus irmãos já tem muitos meses. Quando chegamos em frente da minha casa fico surpresa com o que vejo, esta totalmente pintada, o portão foi trocado, o pequeno jardim foi restaurado, até a porta da frente foi trocada, suspiro de
Ler mais
CAPÍTULO 10
          Respiro fundo pois isso me ajuda a acalmar meu coração, colocar essas palavras para fora, todo esse sentimento não é fácil nunca namorei depois do ocorrido e um dos motivos para ser tão contra namorar foi esse. Eu não conseguiria me entregar a ninguém até que meu medo fosse superado, e isso poderia ser um problema para qualquer um que resolvesse ficar comigo, afinal quem garante que depois do casamento eu conseguiria me entregar ao meu marido? Por mais que eu ame Oliver com todas as minhas forças e meu coração, ele tem o direito de escolher se ficará com alguém que talvez seja incapaz de se entregar para ele. Engulo o bolo que sinto se instalar em minha garganta e começo a falar.- Oli a culpa não é sua, sou eu que tenho um problema com respeito a isso – ele me observa.- Eu sei que você quer isso apenas depois do casamento linda e eu respeito isso – ele coça a cabeça – sinto muito não irei passar dos limites mais - ele segura a minha mão – e
Ler mais