Universo Paralello

Universo ParalelloPT

N. O. Mendes  concluído
goodnovel16goodnovel
0.0
Avaliações insuficientes
56Capítulos
1.0Kleituras
Ler
Adicionado
Denunciar
Resumo
Índice

Existem universos diversos dentro de tudo o que vivemos. O amor pode estar presente dentro dos lugares onde menos esperamos, enquanto pensamos que o amor esta presente em apenas um lugar de forma padronizada, ele pode ocorrer de uma maneira completamente inusitada. Os sonhos podem ser reais, então tenha muito cuidado com o que sonha já que a realidade pode não ser tão boa como tudo o que foi imaginado. No sonho somos livres, a vida real pode nos prender. O Marcos e a Samanta tem muito o que aprender e dependendo da forma que acreditarem eles irão escolher se deverão sofrer ou não. Será que você também possui um amor em algum universo paralello?

Ler mais

Você também vai gostar de

Comentários Deixe sua avaliação no aplicativo
Não há comentários
56 chapters
Prefácio
Samanta  As lembranças brincavam com minha mente, mas eu não sei como identificá-las, pois não me recordo de ter vivido isso a não ser em minha cabeça.Por mais que eu tente superar, essa invenção continua viva em mim e cada parte do meu corpo clama por aquele que pode dominá-lo sem ao menos tentar. Chega a ser vergonhoso sentir algo por um desconhecido.Se eu ao menos soubesse em que parte do mundo estou vivendo... Tenho uma vida normal, como todas as pessoas. Um bom emprego e amigos que posso contar em todo momento, mas a falta que ele me faz é inexplicável.   Marcos  Tudo estava perfeito, tenho uma mulher incrível que ac
Ler mais
Capítulo 1 - Lembrar Você
Essas lembranças são como lâminas afiadas,Mas eu não as vi, como lutarei com elas?A sua falta dói e corrompe o meu corpo para você,Desconfio de que a saudade pode ser a dor maisInsensível que já senti.  Samanta  Estou andando pelo parque, já passa das dez da noite e eu não me importo com o frio, aliás, sinto-me muito feliz essa noite. Sento em um banco e observo as pessoas conversando e o vejo novamente olhando para mim.Seus olhos são os mais lindos que já vi e o jeito que sorri me da vontade de viver, ainda não sei o seu nome, mas anseio por descobrir. Sua presença torna tudo mais forte e quando se aproxima a mim, sin
Ler mais
Capítulo 2 - Dilacerado
Junto os pedaços novamente daquele que se desfez.O desejo pode ser tão perverso e inalcançável...Pode bagunçar o que está certo, eFazer ser certo o que parece errado.  Marcos  O suor toma conta do meu corpo e percebo isso antes de realmente despertar. Mais uma noite de sono que parece acabar comigo ao invés de me refazer, respiro fundo e procuro abrir os olhos lentamente.Não posso dizer que sei o que está acontecendo, pois estaria mentindo mesmo que tudo pareça tão real, fico mais tempo na cama do que deveria e por mais estranho que pareça não me importo.Levanto sentindo que o meu corpo não despertou e abro a janela vendo aquele sol forte brilhar em mais um dia, parece querer fazer-me acordar a força. Procuro algo nessa c
Ler mais
Capítulo 3 - Por do sol
Algo o traz para mim,Como a luz guiada por esses raios.Não existe tempestade que o leva para longeOnde o meu coração não possa alcançá-lo,Por que o meu coração estaráOnde estiver.   Samanta O trabalho ocorre de forma tranquila, o meu leve atraso passa de forma despercebida. Após organizar alguns projetos chega finalmente a hora do almoço.— Vamos Sam. - Chama minha querida amiga.— Claro Isa, vou só pegar a minha bolsa. - Digo e saímos em seguida.— Pronta para hoje? - Questiona animada.— Sim, será bom sair um pouco. - Falo enquanto andamos na calçada procurando por um bom restaurante que possa ser barato também. O que ser&aacut
Ler mais
Capítulo 4 - Distante
Farei o possível para mantê-la perto de mim,Pois você parece o certo em tudo que está errado.Farei o possível para honrar o nosso compromisso,Pois você querida é a luz em toda escuridão.  Marcos  A reunião é um tremendo sucesso, volto para minha mesa e foco no trabalho, buscando pesquisar o suficiente para convencer o cliente de que somos sua melhor opção.Assusto-me com o meu telefone tocando, atendo no terceiro toque.— Boa noite. - Digo ainda olhando minhas pesquisas no computador.— Boa noite amor. Vai chegar que horas? - Indaga Bárbara.— Querida que horas são? - Questiono impressionado.— Deixe-me adivinhar... Ainda não saiu d
Ler mais
Capítulo 5 - Realidade
Os meus olhos fechados são mais seguros,Impedem-me de ver o que está em minha frente.A algo de cruel nessa verdade escondida e euQuero ver apenas a luz, mesmo que seja mentira. Samanta  Olho-me no espelho mais uma vez, analiso o meu corpo, minha roupa... Tento entender se esta bom desta forma, quando nada é bom o suficiente. Respiro fundo e desisto de me questionar.Isa aguarda-me na sala, estamos fazendo um curso de aperfeiçoamento juntas e já me questiono se foi uma boa ideia, ela é pontual demais e eu, bom... Sou apenas eu, atrasada quase sempre.— Sam, está pronta? - Indaga. — Vamos chegar atrasadas novamente. - Grita e eu respiro fundo. Não entendo como posso ser complicada para fazer qualquer coisa.Minha amiga é impec&
Ler mais
Capítulo 6 - Confusão
Tem algo se formando dentro de mim,A minha felicidade parece distante.Como algo perfeito pode ser ruim?Por favor, não me faça duvidar do que acredito.  Marcos  Quando está próximo o horário de ir embora sinto algo estranho em meu peito, a falta de ar começa a tomar conta de mim, vou ao banheiro tentando manter o meu controle e respiro fundo conforme a dor começa a aumentar.Depois de alguns minutos ela começa a diminuir, nunca senti isso o que faz essa sensação ser ainda mais estranha, vejo um rosto do espelho... É rosto da mulher dos meus sonhos, devo realmente estar maluco.Lavo o rosto e resolvo sair logo do banheiro, o olhar que ela deposita em mim faz com que eu perca o sentido, preciso desesperadamente lutar contra isso.
Ler mais
Capítulo 7 - O que é real?
Não posso acreditar no que sinto...Minha imaginação brinca comigo,Fazendo carícias nas parte maisDoloridas de minha alma.  Samanta  Levanto no meio da noite e vou direto para o chuveiro, deixo na temperatura mais baixa e sento no chão deixando a água cair por minha cabeça e inundar o meu corpo.Isso deve acabar, eu tenho que acordar dessa loucura. Não posso brincar comigo dessa forma. Odeio, eu definitivamente odeio esses sonhos e estou me odiando por conta deles.Sonhei novamente com o rapaz desconhecido e sua carícia em minha pela parece permanecer em mim, isso é doloroso o suficiente para me fazer acordar. Desejo que a água possa levar isso embora.Por um momento idiota acreditei que seria amada por este hom
Ler mais
Capítulo 8 - Tormenta
Tudo o que está dentro de mim,São coisas que não consigo controlar.Parece uma bagunçaQue não sei por onde começar a arrumar.  Marcos  Levanto mais cedo do que deveria e resolvo ir ao parque da cidade correr, pois aqui em Joinville este é o único que fica aberto neste horário.Começo a correr o mais rápido que consigo como se isso fosse tirar tudo o que está errado em mim. Como se eu pudesse arrancar essa mulher de dentro de mim, quando ela não devia ao menos estar por perto.Paro um pouco para descansar e volto a correr desesperadamente. Eu não quero sentir o cheiro dela em mim de novo, mesmo que seja o aroma mais atraente que já senti na vida.Não quero sentir a maciez de seus cabelos, que ainda estão
Ler mais
Capítulo 9 - Novos Ares
Às vezes é preciso mudar,Olhar para dentro e identificarO que os mantêm vivos.Não tenho essa resposta, mas...Desejo começar a respirar um ar renovado.  Samanta  Sinto-me animada como há muito não sentia, verifico-me novamente no espelho gostando muito do que vejo, sorrio intrigada com o que fiz, não sei se a Isa vai gostar, mas ela não tem muita opção.Passo um pouco mais de batom nos lábios e saio feliz com o resultado. Na sala eu pego o meu telefone e tento ligar para minha amiga, mas ela não atende, resolvo aguardar mais um pouco antes de tentar novamente.Deito no sofá e me lembro do homem misterioso, ele já não me atormenta tanto, estou começando a me acostumar com alguém invadindo
Ler mais