A Maldição da Princesa de Gelo (definitiva)

A Maldição da Princesa de Gelo (definitiva)PT

G Barrenha  En proceso
goodnovel16goodnovel
0.0
Reseñas insuficientes
21Capítulos
593leídos
Leer
Añadido
Denunciar
Resumen
Índice

Neri Hofirman teve um infância vivida com alegria ao lado de sua melhor amiga, Elizabeth Neve, mas logo teria uma mudança brusca em sua adolescência, onde um mundo novo seria descoberto. Após o reaparecimento de Jack Neve, pai de Elizabeth, que por dois anos havia desaparecido sem aviso prévio, trazendo a repentina notícia de que iriam para uma escola onde seres místicos são reais! Em seu primeiro ano em WallBright, Neri Hofirman descobrirá coisas novas sobre um mundo desconhecido do qual sua família faz parte a séculos, e tentará salvar a vida de sua melhor amiga de uma maldição inevitável!

Leer más
Comentarios Deje su reseña en la aplicación
No hay comentarios
21 chapters
Uma Notícia Inesperada
Ponto de vista de Neri HofirmanOlá, meu nome é Neri Hofirman, atualmente sou o líder da família Hofirman e o responsável por proteger aquilo que os seres humanos chamariam de Mundo Mágico, ou Mundo Sobrenatural, um lugar cheio de magia, demônios, anjos, magos e criaturas que fazem parte da ficção que é existente somente em livros e filmes; um mundo onde até mesmo os contos de fadas e deuses mitológicos são reais.Não pense você que eu nasci e cresci nesse mundo cheio de maravilhas e coisas fora do comum. Até o fim do ensino fundamental eu era apenas um garoto comum com cabelos arrepiados e grandes óculos retangulares; um garoto simples de quinze anos de idade que vive em
Leer más
Uma Maldição e uma Profecia
Estava tudo escuro, não sentia o meu corpo e muito menos era capaz de dizer uma só palavra, eu estava ficando com medo... O que será que a Mary havia feito comigo?! E pior ainda, será que a Elizabeth estava bem?! O pensamento de que aquela poderia se tornar uma situação permanente foi sumindo quando um forte odor de sangue invadiu o ambiente à minha volta, ou seja lá onde quer que eu estava. Pouco a pouco, leves sons de trovoadas e uma forte chuva foram surgindo, como o de uma tempestade que se aproxima! Juntamente com o som de chuva e trovões veio também o inconfundível som de gritos, mas não de medo ou desespero, aquilo estava parecendo um campo de guerra! Esse pensamento foi confirmado quando o tinir de metais se chocando surgiu em meio aos gritos. Onde exatamente eu estava? E qu
Leer más
Embarcando no Trem 76-WB
De um dia para o outro o tempo mudou drasticamente, saindo de uma noite quente para uma manhã fria e úmida. Achei que naquela manhã eu poderia acordar com mais calma, ser servido na cama com um delicioso café da manhã pelo simples fato de que passaria os próximos meses longe de casa... Mas não foi bem assim que as coisas aconteceram. A minha irmã entrou no quarto e começou a bater duas panelas uma na outra enquanto a minha mãe gritava para nós nos vestirmos pois estávamos de saída. O resultado de tudo isso? Eu acordei desesperado pensando que o mundo estava acabando e a Elizabeth caiu da cama. - O que vocês estão fazendo?! - Gritei para elas, que logo pararam com a baderna. - Se esqueceram que hoje vocês irão para sua nova escola?! – Minha mãe perguntou com uma animação fora do norm
Leer más
O Grande Livro das Coisas
  Sabe quando você tem a impressão de que algo é maior por dentro do que por fora? Foi exatamente isso que sentimos naquele momento, mas não foi só uma impressão, aquele lugar realmente era maior por dentro do que por fora! Ao entramos nós nos deparamos com um salão bem arrumado e decorado com alguns sofás e até mesmo uma mesinha de centro em um canto, aquilo estava se parecendo com a recepção de um hotel luxuoso, bem movimentada por sinal, tudo que faltava era uma lareira e mordomos servindo um cafezinho. Havia cerca de uns vinte jovens lá, todos pareciam ter mais ou menos a nossa idade, alguns usavam vestes estranhas, que fazia parecer que tinham acabado de sair da idade média e esqueceram de atualizar o guarda-roupas deles, mas também tinham aqueles que usavam roupas iguais às minhas. Minha teoria sobre aquele lugar ser uma re
Leer más
O Clã Wastly
Elizabeth folheou o Grande Livro das Coisas até alguma folha em branco e perguntou sobre o Clã Wastly. Assim como antes, palavras e imagens começaram a aparecer pelas páginas. Me sentei ao lado dela e pedi para folhear o livro, para logo em seguida nós nos surpreendermos com o que vimos, ilustrações de pessoas sendo enforcadas e outras até mesmo queimadas em coletivo em grandes fogueiras. Mesmo sendo apenas desenhos (um pouco realistas até demais) ainda assim eram bem perturbadores. - A história deles não parece nada boa... - falei desconfortável. - Podemos deixar isso quieto... – Elizabeth disse colocando uma de suas mãos sobre minha perna. - A minha família causou problemas, Elizabeth... E eu tenho o direito de saber o que aconteceu. – Respondi firmemente enquanto a olhava. <
Leer más
Chegando em WallBright!
Havíamos voltado para o nosso quarto, deixando Alex cuidando da Mical, agora ela já não parecia mais simplesmente estar desmaiada, mas sim dormindo confortavelmente sobre sua cama. Ao entrarmos no nosso quarto, pudemos ver sobre a cama uma bandeja com alguns biscoitos, sanduíches, uma garrafa térmica e dois copos de vidro. - O que é isso? - Perguntou Elizabeth se aproximando da bandeja, pegando um dos biscoitos que estavam lá e mordendo.   "Me perdoem por entrar sem permissão, mas não havia ninguém com quem deixar os alimentos! Estão todos fresquinhos! Ass: Camareira 65!"  

Leer más

A Cerimônia dos Clãs
Sabe aqueles castelos que vemos nos filmes de fantasia? Aqueles grandes e luxuosos castelos que existem nos contos de fadas? Então... Foi com um desses que nos deparamos quando saímos do trem. Um grande e luxuoso castelo! Ele tinha uma aparência antiga, com grandes torres que pareciam chegar aos céus e um enorme muro que o cercava de ponta a ponta, a única entrada visível era o enorme portão de madeira na nossa frente. Percorri os meus olhos por todo o castelo e seu muro, era majestoso! Eu estava deslumbrado com aquela visão. O trem deu partida e começou a voltar para trás, nos deixando sozinhos à sombra daquele castelo. Me virei e reparei na enorme floresta que estava atrás de nós, as árvores eram tão grandes quanto as torres de pedra de WallBright, era possível ouvir sons de pássaros que vinham de dentro da imensa floresta... WallBright realmente era cercada por uma floresta tão imens
Leer más
Os Imperiais
Todos direcionaram o olhar para as portas do salão, então fiz o mesmo. Por elas entraram quatro pessoas, duas jovens e dois rapazes, ou pelo menos um deles era um jovem comum, já que o outro parecia um híbrido entre humano e cachorro (ou seria um lobo?). Eles caminhavam de forma rápida e contínua em direção ao palco em que Merlin estava, passando por entre as três mesas, uma jovem negra de cabelos curtos andava a esquerda da mesa de Ghollfried, acenando amigavelmente para os alunos, o garoto meio cachorro passou logo atrás de nós, em silêncio, apenas sinalizando com a cabeça, à direita da mesa de Infirt. Uma garota de cabelos ruivos a direita da mesa de Whitorn lançava alguns beijos pelo ar, pude até ver alguns garotos de Infirt suspirarem enquanto a olhavam, e, era impossível não o reconhecer, Meufrin Neve logo a esquerda da mesa de Whitorn, carregando consigo um silêncio acompanhado d
Leer más
A Primeira Aula e um Irmão Arrogante
Seguimos pelo caminho que Jacob nos havia indicado. O corredor por onde andávamos estava cheio de portas, algumas fechadas, outras abertas nos revelando alunos dentro de seus dormitórios. Como Jacob havia falado realmente nos deparamos com o Afonso parado à porta do quarto onde permaneceremos. - Já estava sentindo falta da sua sombra nos seguindo! - falei enquanto nos aproximávamos. - Não é permitido... Os guardas verem a Cerimônia dos Clãs... Mas nos avisaram em qual Clã... Cada um de vocês estaria... - Você ainda não me respondeu o porquê de você falar travando desse jeito... - insisti novamente vez naquela questão, e, mais uma vez, a minha resposta foi um silêncio total - Tá... Tudo bem então... Como entramos aí? - perguntei se
Leer más
Uma Aula com Espadas
Elizabeth e eu passamos os próximos trinta minutos procurando por mais três livros para o Alex, a Mical e eu, já que a Elizabeth decidiu ficar com que o que havíamos achado antes, mas falhamos miseravelmente pois não encontramos mais nenhum livro como o que a professora havia pedido, então decidimos voltar para nos encontrarmos com os irmãos Wastly. - Sabe... – falou Elizabeth – Esses últimos dias têm sido estranhos... Achei que iria me acostumar rapidamente, mas pelo visto vai demorar um pouco mais do que o esperado... - ela deu uma breve risada. - É claro que tem sido dias estranhos – respondi – Passamos quinze anos sendo pessoas comuns e de repente estamos em uma escola com pequenas estátuas vivas de madeira, uma garota que faz o tempo voltar e outro com cabeça de cachorro! Tirando o fato de que eu nem sei exatamente o que a minha
Leer más