Para todo o sempre, serei seu

Para todo o sempre, serei seuPT

Debby Scar  Completo
goodnovel16goodnovel
0.0
Reseñas insuficientes
22Capítulos
1.7Kleídos
Leer
Añadido
Denunciar
Resumen
Índice

ROMANCE SOBRENATURAL +18 Quando tudo aconteceu, eu não esperava que aquilo me abalasse tanto. Eu continuei trabalhando, seguindo a minha vida e tentando esquecer o que havia ocorrido. Deixei de ir à Universidade para ficar atrás de um balcão servindo café e recebendo gorjetas de alguns clientes, alguns não tão simpáticos. Não era fácil, mas eu tentava. Tentava mesmo. Mas aí ele apareceu. Por um instante, eu achei que não seria possível um homem como ele olhar para mim. Não que eu fosse feia, ou boba, nada disso. Eu tinha minha autoestima elevada e sempre me achei muita areia para o caminhão de qualquer homem de Harlingen, uma bela cidade do Texas, de onde vi todos saírem e somente eu ficar para trás. Ele também se foi, assim como os outros; não Blaine, ele. Aquele que era para me apoiar, mas nada fez no momento mais difícil da minha vida.

Leer más

También te gustarán

Comentarios Deje su reseña en la aplicación
No hay comentarios
22 chapters
Capítulo 1
Quando tudo aconteceu, eu não esperava que aquilo me abalasse tanto. Eu continuei trabalhando, seguindo a minha vida e tentando esquecer o que havia ocorrido. Deixei de ir à Universidade para ficar atrás de um balcão servindo café e recebendo gorjetas de alguns clientes, alguns não tão simpáticos.Não era fácil, mas eu tentava. Tentava mesmo.Mas aí ele apareceu. Por um instante, eu achei que não seria possível um homem como ele olhar para mim. Não que eu fosse feia, ou boba, nada disso. Eu tinha minha autoestima elevada e sempre me achei muita areia para o caminhão de qualquer homem de Harlingen, uma bela cidade do Texas, de onde vi todos saírem e somente eu ficar para trás. Ele também se foi, assim como os outros; não Blaine, ele. Aquele que era para me apoiar, mas nada fez no momento mais difícil da minha vida. Por isso, eu tinh
Leer más
Capítulo 2
A parte mais difícil da manhã era ter que me levantar para ir trabalhar. E apenas pelo fato de não querer olhar para a cara dele. Minha noite tinha sido um completo inferno, e a culpa era toda dele. Ainda sonolenta, me espreguicei tentando despertar mais um pouco e me levantei da cama, seguindo lentamente para o banheiro.Eu estava horrível. Olheiras e um aspecto cansado tomava conta do meu semblante. Nem toda maquiagem do mundo salvaria aquele desastre. Assim que tomei meu banho, vesti meu uniforme e dei um jeito na juba, amarrando-a em um coque e enfeitando com um laço cor-de-rosa.Eu estava na mais santa paz, saindo da minha residência e tentando fechar a maldita da minha porta, quando escutei a sua voz.— Bonito laço, vizinha...— juro que tentei respirar. Meus olhos se fecharam automaticamente, enquanto eu tomava coragem para me virar e olhar para ele.— Blaine...— finalmente cons
Leer más
Capítulo 3
Não estava tudo totalmente escuro enquanto eu caminhava pelo corredor; no final dele havia uma porta entreaberta. Flashes de luzes azuis e avermelhadas saíam pela abertura, e tudo que eu sentia era um arrepio de medo. Por algum motivo eu não conseguia me distanciar dali e ir embora. Pude ouvir gritos, mas estavam distantes de mim. Assim que abri a porta, vi o que realmente eram as luzes. De repente eu estava do lado de fora de uma casa que nunca tinha visto na vida, e precisei proteger meus olhos contra o ardor que as luzes lhes causavam. Com muita determinação olhei para o céu e vi bolas de fogo se chocarem. O que saíam delas não era apenas luzes, mas sim fogo. Labaredas azuladas, tomando conta de uma bola de fogo avermelhada. Em segundos, após tomar conta, algo foi lançado do céu. O fogo azul foi ficando mais brando e começou a descer rapidamente, enquanto eu corria na direçã
Leer más
Capítulo 4
Quando cheguei em casa, a primeira coisa que fiz foi tomar um banho quente e tentar esquecer tudo. Se Gabby achava que voltaria à cidade e encontraria a mesma Lilith, se enganou. Os dois anos serviram para amadurecer a ideia de que ele tinha sido o erro que toda garota tem, antes de achar o seu “Acertei”. Eu respeitava muito os pais dele, no entanto, isso não significaria que eu seria bacana com ele também. Uma hora depois do banho, eu estava sentada no sofá da minha minúscula sala quando o telefone tocou.— Como foi o seu dia hoje, minha flor? — suspirei aliviada por ser meu amigo Gregg.— Terrível — contei a ele o problema de Joe, e assim como eu, ficou muito triste com a notícia. — Eu mesma fiquei sem chão. Fico imaginando tudo o que o Joe está sentindo e tentando esconder dela. Um amor assim, mesmo com a doença, é algo muito raro...—
Leer más
Capítulo 5
Eu corria desesperada pela floresta escura. Meus pulmões estamos doloridos devido ao esforço que eu estava fazendo. A terra úmida nos meus pés era resultado da chuva tempestuosa que caía. O caminho era estreito; eu mal podia ver um palmo a minha frente e, mesmo assim, continuei a correr. Se eu não o fizesse, ele iria me alcançar e tudo estaria perdido. O medo tinha tomado conta do meu corpo, enquanto eu fugia para o mais longe possível. Não podia pedir socorro, afinal, quem escutaria meu grito no meio do nada? Ninguém.Às lágrimas se misturavam a água da chuva, que escorria pelo meu corpo. Tenho certeza que tinha sangue escorrendo no braço, resultado da queda que sofri ao despencar de um barranco. Não sei por que ele me perseguia, mas sabia que precisava fugir.No meio do caminho tropecei em algo e gritei com a dor. Não bastava eu ter me arrebentado no barran
Leer más
Capítulo 6
Parei para refletir um pouco sobre tudo. Entender quem Blaine era na verdade não estava sendo fácil, e Deus sabe que eu estava tentando compreendê-lo. Acho que ele era aquele tipo de homem que guarda os sentimentos para si, e só se abre quando é realmente necessário. E parecia que tinha baixado a guarda para mim, me mostrando um lado que eu jamais cogitaria que tivesse. Lá no fundo, eu sabia que ele era o mesmo cara bruto que entrou no café naquela manhã. Só estava feliz por ele estar apaixonado por mim. Ainda não sabia até onde aquilo tudo iria nos levar, mas estava gostando do rumo que as coisas estavam tomando.— Fui ao hospital hoje... — falei mudando de assunto.— Como Joe está?— Acho que não quero pensar muito na dor que ele deve sentir, Gregg.— Eu entendo — meu amigo assentiu para mim, me oferecendo um sorriso de co
Leer más
Capítulo 7
 Não podia acreditar no que eu tinha acabado de escutar. Tinha que ser uma piada de muito mau gosto da parte dele. Dois anos depois ele me vem com essa? Queria confrontá-lo, mas não era o local certo. Eu sabia que se falasse algo para Gregg, ele seria o primeiro a enfiar um soco na cara daquele desgraçado. Seja lá o que Gabriel tivesse em mente, eu não daria confiança para ele.Respirei fundo, buscando forças para não desistir de tudo. Afinal, Kate precisava de mim naquele momento tão difícil. Minha manhã se resumiu a falar apenas o essencial com Gabby. Graças a Deus ele não tentou nenhum tipo de aproximação física ou seria capaz de perder o controle. Seis horas depois, eu estava fazendo a contagem de estoque e ele contabilizando o que tinha faturado no dia. Assim que deu o meu horário, tirei o meu avental e corri para pegar a minha bolsa
Leer más
Capítulo 8
A sensação de frio percorreu meu corpo, devido à pouca roupa que estava usando. Senti que a qualquer momento o ar me faltaria; parecia que eu havia corrido por horas e agora estava sufocando. Alguma coisa estava errada; não era apenas o medo atravessando o meu corpo, algo dentro de mim me falava que não era para eu estar naquele lugar. A floresta era iluminada apenas pela luz do luar e, para onde eu olhasse, não se via nada além de árvores e arbustos.— Você tem que tomar uma decisão — disse uma voz masculina e rouca. Automaticamente me escondi dentro de um arbusto espinhoso, sentindo minha pele ser arranhada, sufocando o gemido de dor.— Não — a voz que respondeu eu conhecia. Me inclinei devagar para não fazer barulho, olhando entre as folhas para tentar enxergar algo, mas não consegui.— Irmão, sabemos o quanto é perigoso retard
Leer más
Capítulo 9
 Às nove horas em ponto a campainha tocou. Eu já tinha colocado o meu vestido azul decotado e bem marcado na cintura, que se ajustava bem ao meu corpo. Não era curto, ia apenas até dois dedos acima do joelho, alongando o meu corpo com a ajuda de um scarpin vermelho de salto bem alto. O ruim de ser baixinha é que você tem que maltratar seus pés com saltos como aqueles; valia a pena, mas os calos não. Fechei os olhos, parada de frente para a porta e respirei fundo antes de a abrir. Não poderia deixar que o que tinha acontecido com Gabriel prejudicasse a minha noite com os rapazes, e nem com Blaine.— Uau! — elogiou Blaine assim que abri a porta para ele. Seu olhar percorreu o meu corpo, e por algum motivo, aquilo me deixou com vergonha. — Eu tenho uma namorada muito gostosa. — sorriu, vindo na minha direção, me pegando pela cintura e suspendendo meu corpo co
Leer más
Capítulo 10
A dor da despedida é um sentimento forte que nos consome por inteiro.Depois do velório de Joe, não apareci no café para ver mais ninguém. Não queria mais fazer parte de nada. Os únicos que me faziam companhia eram Blaine, Gregg e Mike. Não saí de casa por uma semana inteira. Só a ideia de comer uma torta já me deixava deprimida. Sabe, uma hora a dor passa, porém, quando a lembrança volta, os sentimentos que estavam guardados voltam duas vezes pior. Talvez eu não sentisse o mesmo se um dia perdesse o meu pai, o que parecia muito cruel da minha parte, mas era a pura verdade. O senhor Noah Chandler não era bem o pai do ano, e nem vou falar da minha mãe, que por sinal podia ser pior que ele. Os dois são religiosos fanáticos e me davam nos nervos todas as vezes em que os visitava, e isso não acontecia muito.“Vamos sair?” –
Leer más