Série Legados Eternos  Lobisomem O Primogênito

Série Legados Eternos Lobisomem O PrimogênitoPT

Alexa Valentina  Em andamento
goodnovel16goodnovel
0.0
Avaliações insuficientes
40Capítulos
1.1Kleituras
Ler
Adicionado
Denunciar
Resumo
Índice

Soraia e Augusto sabiam que não seria nada fácil juntar vampiros e lobisomens num mesmo clã, mas para sobreviverem a ameaça de Isca e seu grupo de exterminadores assim teria de acontecer. Leonel é o irmão de Augusto e está voltando para Lacrimal city com Joss e sua matilha com ym único propósito - vingança. A última coisa que Amy imaginou é que seria nomeada Guardiã e tão pouco que suas inimigas seriam mulheres com o poder de dragões e magia pura em seus corpos.E isso nem é tudo, afinal Marcus também está descobrindo que é algo além de um mero vampiro. A polícia quer queira quer não estão contando com a ajuda dos lobisomens e vampiros para enfrentar a onda crescentes de crimes brutais que está assolando a cidade, e assim uma possível aliança e amizade está a nascer, ainda que a duras penas. Passado e presente vão se bater de frente. Paixão e segredos vão aflorar e poucos conseguiram resistir...de pé.

Ler mais

Você também vai gostar de

Comentários Deixe sua avaliação no aplicativo
Não há comentários
40 chapters
Prólogo/O primeiro senhor dos lobos
                                        So I’m putting my defenses                                 Up ’Cause I don’t wannna fall in love                         If I ever did that U I think I’d have a heart attack                                                                                          Demi Lovato Heartattack   MUSICAS DESTE VOLUME Joss e Leonel – Save Me – Hanson Isca(exterminadores) – Just my report card –
Ler mais
Os olhos da floresta
  -Agora você pode beijar a minha filha - gracejou Katrina ao afastar-se de Soraia á Augusto que o fez com prazer e paixão. Marcus riu junto com Amy e beijou-lhe o topo da cabeça e recebeu afagos nas costas.   2. Os olhos da floresta O dia estava amanhecendo, os primeiros raios de sol se infiltravam na caverna, mas somente um brilho tênue chegava até Soraia e Augusto abraçados , de conchinha, em um canto; Marcus com Amy em seu peito recebendo carinhos nas costas e Katrina em posição fetal bem pertinho das cinzas da fogueira que dava um calorzinho ao ambiente. Havia o ‘porém’, Soraia não dormiu sem antes ligar para Malvina e a deixar falar com Katrina e o mesmo aconteceu com Amy e a mãe e Augusto com Sheila que contou o episódio com Miranda que quis falar com Soraia. Sonolentos foram abrindo os olhos, se espreguiçando e se levantando, menos Soraia que ao levantar-se, tonteou, mas por sorte, Augusto estava ao seu l
Ler mais
Pelos caminhos da dor
-E então, Maya, o que você vai fazer a partir de agora? perguntou-lhe Verônica- ambas na garagem da casa, escondidas e escoradas por detrás dos carros                                            -já era noite e as luzes estavam acessas- não que para Maya fizesse diferença entre a claridade da luz ou não. -Eu não entendo muito de‘gestação vampírica’ -fez aspas no ar com os seus dedos – mas o que observei na de Soraia é que acontece rápido. O que é muito bom para os meus planos. -Maya, Maya –exasperou Verônica, afinal ela conhecia muito bem aquele brilho hostil nos olhos da amiga. O pai desse bebê fora um fraco, diria até sentimental em relação a tudo o que envolvia Soraia, mas ele–passou as m&ati
Ler mais
As novas chances/Passos do Apocalipse
-O senhor bem sabe que não precisa ir. -E a senhora sabe que se eu não for, você também não vai. Asdria bufou e calou-se. -Está bem, meu filho, tenham cuidado- dissera Sheila com o celular ao ouvido, despedindo-se do filho que lhe dissera que ao amanhecer estariam chegando em casa.  -E então?- perguntou Miranda assim que Sheila guardara o celular no bolso da jaqueta, a algumas horas atrás sentia um aperto no peito e, quando isso acontecia era sinal de que Soraia estava em perigo e/ou usando seus poderes. -Estão todos bem, e provavelmente ao amanhecer já estarão em casa- dissera- e quanto ao seu mal estar, fora porque eles foram atacados por uma matilha de lobisomens nômades. -Ainda bem- suspirou e Sheila a inquiriu com o olhar- eu não irei ser hipócrita, ainda bem para mim, pois cada vez que Soraia usa seus poderes ela fica mais forte e e
Ler mais
...
Algum tempo depois, Verônica já andava de um lado para o outro em frente a porta do banheiro, ansiosa para que Maya saísse logo. Maya estava em frente ao espelho, seu sorriso era diabólico ao constatar que, de fato, estava grávida.Qualquer garota estaria feliz e preocupada, mas Maya estava muito feliz- pena que pelos motivos errados- e preocupação era um sentimento longínquo -Julio Cesar, você não vai representar nada perto do que o meu filho irá fazer no mundo- murmurou. -Maya, qual foi o resultado? - ecoou uma voz preocupada e curiosa do outro lado da porta. Maya riu. Raina e Ivan se hospedaram na casa de Malvina e com toda a tensão do desaparecimento de Katrina, Raina deitou-se cedo- bem antes do marido- que optou por distrair-se com um filme. Pela expressão de seu rosto-segundos antes tranquiloalgo a estava atormentando. Bem como a Sheila que também se recolhera mais cedo por não estar com seu filho, a saudade levando-a a exaustão. No instante em que
Ler mais
...
Raina e Malvina conversavam pelo celular, só que ao contrário de Raína que havia saído para jantar com o marido e já voltaram.Malvina continuava na delegacia á espera do resultado dos exames de sangue de Leticia, que Sheila havia enviado mais cedo. -Minha intuição me diz que Lacrimal city vai reviver a época dos massacres, minha irmã, e ao centro de tudo vai estar Soraia – disse Raina falando da cozinha a beber um copo de água com cubos de gelo e sangue obviamente. -Parece que desde que Soraia envolveu-se com Julio Cesar tudo está girando em torno dela. E se esses massacres vierem a acontecer, é ela quem vai ser a peça chave- concluiu Malvina no corredor bem movimentado até, levando em conta do horário.                                                 -Ainda bem que Augusto parece disposto a dar a vida por Soraia. -Eu já percebi isso tam
Ler mais
Alianças de guerra
-Exaustos e felizes. Sorriram um para o outro. -Delegado Sergio, eu... -Pelo amor de Deus, Gabriel, você namora minha filha e estamos almoçando juntos, não precisa ser tão formal...só não me chame de sogro – brincou e todos riram. -Posso lhe pedir algo? Sergio consentiu. -Quando o senhor for ao acampamento dos lobos, eu...posso ir junto? Malvina e Sergio se entreolharam espantados, pois todos queriam ficar longe daquele acampamento, e agora eis que aparecia um que queria ir para lá. -Pai, se o Gabriel for, já aviso, quero ir junto. -Vai se eu deixar e, já aviso, a resposta é não. Sofia bufou e trocou olhares com Gabriel, que disfarçou e olhou para Malvina, em busca de ajuda, mas olhou para Sergio que voltou a encarar Gabriel e assim prosseguiu. -Como sempre, eu resolvo os pepinos. Sergio suspirou de alívio e fixou os olhos nos belos olhos verdes de Malvina, que cada vez mais ele se interessava.            &nbs
Ler mais
....
Lucas também havia voltado a forma humana, mas para sua sorte ou azar, acabou caindo num barranco e saiu rolando, batendo em pedras, galhos e espinhos – ele tentou se segurar em algo, até usou de suas garras para cravar na terra, mas nada adiantou, só parou á beira de um rio num baque surdo entre duas rochas. -Poxa!- exclamou surpreendido ao olhar de relance por sobre as duas pedras ao ver o quanto mais sua queda seria longa e dolorosa. Lucian continuava correndo- e sentia passos lhe seguindo- e um cansaço incomum o abraçava, fazendo-o cambalear- tinha de haver algo naquela prata que atingiu seu sistema nervoso pois também estava com ânsias de vômito-então mesmo contra seu orgulho de vampiro, trocou seu olhar de vampiro para o de lobo, mas isso recordou lembranças desagradáveis. Todo aquele tempo sumido teve uma explicação, ele e seu irmão Lucas foram captur
Ler mais
...
-Adoro- debochou- tanto quanto você adora o Augusto. -Vamos deixar estes desgraçados de lado e ir direto ao que interessa-Maya meneou a cabeça- eu quero sua ajuda para salvar meu irmão das mãos dos exterminadores, e depois quero acabar com o Augusto e sua laia. -Tenho uma condição - impôs Maya; ele assentiu- eu mesmo quero acabar com a Soraia. -Feito- concordou ao estender a mão para Maya que fez o mesmo – feito- e apertaram as mãos.       Desde que chegaram, Soraia tendo a condição de vampiroe por costume- dormiu apenas alguns minutos e já se sentiu revigorada. Já sua mãe, por ter conseguido‘matar’ o vampiro nela, tomou um banho, deitou e caiu no sono no lado da cama onde Adam deitava, onde agora Soraia deu-lhe um beijo na testa e saiu. Já na biblioteca – lugar preferido do pai- Soraia tinha em mãos um porta- retrato de vidro em formato de coração onde seu pai, lindo de terno preto e camisa branco impecável, sorria
Ler mais
...
-Augusto, você acha que estou mentindo? Augusto ficou sem graça- bom, mentindo talvez não, mas omitindo                                                                                                             – Sheila o olhou séria-olha aqui, garoto – cutucou-lhe o peito com a ponta do dedo – quando você pensava em ser lobo, eu já estava casada, seu impertinente – muitos lobos e vampiros baixaram os olhos. -Isso é pra vocês saberem que eu sou calma até a próxima vírgula- e saiu marchando deixando seu filho boquiaberto, mas por um momento cogitou seguir a mãe até encarar Miranda que lhe olhava co medo e temerosa. Miranda viu Augusto se aproximando, e a culpa foi sua própria, e tentou escapulir, mas sent
Ler mais