Somente Dele

Somente DelePT

Leoa Queen  Completo
goodnovel18goodnovel
0.0
Reseñas insuficientes
63Capítulos
20.0Kleídos
Leer
Añadido
Denunciar
Resumen
Índice

Quanto da vida devemos ser testados? Qual valor emocional a se pagar para realmente ser feliz? Quem é a pessoa certa para nos fazer feliz? Desde que me entendo por gente eu me faço essas perguntas, a falta de amor, ou a ausência dele me fez ser dura e buscar o melhor de mim sempre. Até eu vê-lo. Até sentir seu toque. Até eu descobrir quem ele é. E mesmo depois de tudo isso, nada me impediu de sentir esse louco amor, ninguém me ensinou que seria tão perigoso, que me envolveria nesse mundo obscuro e que não ia me importar com as consequências. Que a única razão da minha existência é a certeza ser Somente Dele.

Leer más

También te gustarán

Comentarios Deje su reseña en la aplicación
No hay comentarios
63 chapters
1
Thalita     Eu poderia começar me lamentando por minha triste história de ser rejeitada pela minha mãe que inconsequente me teve aos 14 anos e não suportou a responsabilidade de cuidar de uma criança, antes, fugiu porque não poderia perder sua juventude. Então me deixou com minha avó que mais parecia uma bruxa. E não perdia a oportunidade de me jogar na cara que eu estava na casa dela de favor, mas vou começar contando sobre meu atual estado. Não usei todo meu passado para me deteriorar mais. Eu o usei para me impulsionar. Mudei onde não me agradava e busquei melhorar naquilo que eu era boa. Depois que concluir o ensino médio procurei trabalho como uma condenada, mas parece que Deus queria testar a minha fé para saber se eu realmente buscava minha melhora. Insisti, quebrei a cara muitas vezes por falta de experiência, por falta de curso, pela idade. Foi então
Leer más
2
Depois de umas duas cervejas e uma dose de caipirinha ela relaxou um pouco mais.  Já estava curtindo o som e tudo. Amo pagode, principalmente os antigos. Boca Loca, Sorriso Maroto, Jeito Moleque, Exaltasamba.  O DJ com toda certeza queria maltratar nossos corações, porque estava tocando "Que Situação" do Boka Loka. Gosto.  Estava me balançando ao som da música e observando o local quando vejo um homem lindo que por onde passava atraia olhares, não faz o meu tipo porquê de cara percebi que tinha quase a minha idade.  Me surpreendi quando o vi vindo em nossa direção, ele cumprimentou alguns homens próximos e depois piscou para minha amiga.  Eu virei pra Carol que estava com o sorriso mais aberto do mundo.   _ Conhece?   Carol: Meu casinho.   _ Humm.   Veio em nossa direção a abraçando por trás.    Xxx: E aí minha
Leer más
3
Acordei totalmente destruída, e com uma perna em cima de mim. Que noite! Levantei devagar e me vesti, sai recolhendo minhas coisas que estavam espalhadas por toda casa. Fui no banheiro lavei o rosto para tirar o restante da maquiagem borrada e lavar a boca. Amarrei meu cabelo num coque frouxo e desci para pegar meus sapatos e bolsas que estavam largados próximo a porta. Assim que pisei na rua vi que já era tarde porque o sol estava dando um espetáculo de tão quente. A rua era deserta, mas assim que atravessei num beco e entrei em outra rua vi o grande movimento de fim de semana. Carros e motos para lá e para cá. Os bares com música alta e as pessoas aproveitando o merecido descanso semanal. Procurei meu celular na bolsa e vi que tinha chamadas perdidas da Carol. Retornei na hora.   Carol: Cadê você gata?   _ Estou perdida na favela. Tu me abandonou ontem agora estou jogada as traças.  
Leer más
4
O doutor Álvares começou a se pronunciar sobre o progresso de alguns casos que envolvia a sua família e ele participava de tudo, eu mesmo nervosa permaneci atenta.  Fazia algumas anotações que quando fosse me dada a palavra, pontuaria.  Até notar Vinícius pegar o copo de água e levá-lo a boca. Eu juro que tentei não reparar, mas era impossível não perceber como o pomo de Adão subia e descia. Eu devo estar ficando louca, foco Thalita, foco. Ele colocou o copo na mesa novamente e esfregou as mãos nas pernas, movimento normal para quem estava presente até eu sentir uma mão subir pela minha perna levando também a saia.   Álvares: Eles vão te chamar, associação ao tráfico.    Ele riu com desdém.   Álvares: Já te pedimos que controle a exposição. Vá tirar umas férias por algum tempo.   Vinícius: Não dá, tenho outras metas para agora.   A m
Leer más
5
Novamente acordei com uma perna e um braço em cima de mim. Estava totalmente dolorida e destruída. Ao me mexer, gemi, atraindo a atenção de Vinícius que levantou assustado.   Vinícius: Qual foi? Que houve?   _ Você acabou comigo. Que horas são?   Procurei um relógio ou até mesmo meu celular. Vi um na cômoda ao lado da cama, era dele, marcava 19:36.   _ Aí meu Deus, você viu a hora? Eu tô ferrada. Meu estágio, a faculdade. Não acredito que você fez isso comigo.   Vinícius: Relaxa meu, depois eu falo com o Norberto.   _ Depois você fala? Você acha que eu sou alguma p**a para dormir com clientes do escritório? Eu não acredito que eu cedi? Que ódio, eu vou embora, vou tentar pegar pelo menos o último horário da faculdade.   Vinícius: Relaxa meu. - Ele veio tentar me segurar.   _ Relaxar? Você só pode estar
Leer más
6
Passamos um tempo nos olhando, até que eu vejo surgir um sorriso nos lábios dela.   Viviane: Conta comigo. - Eu sorri.    Sou assim, nunca fui de fugir de problemas, bato de frente. Sou advogada para isso. No início a conversa surgiu tímida, mas eu contei minha história para ela, não toda, mas contei das minhas batalhas e que sempre fui independente.  Ela me contou que namora o Mota, o homem de confiança do irmão. E que não foi criada pela mãe, que está sempre onde o pai está.  Contou também sobre a rixa com a Carol.   Viviane: Ela é uma p**a interesseira.   _ Para mim ela é uma boa amiga.   Viviane: Deve ser porque acha que tu não apresenta riscos, falando nisso, ela sabe que tu tá com meu irmão?    _ Não sou de explanar meus relacionamentos por aí Vivi. - Ela riu. ] Continuamos selecionando a
Leer más
7
Ouvi ele suspirar e depois entrar no banheiro. Ainda estava acordada quando ele saiu e se deitou. Ele me puxou para os seus braços e deu um beijo na minha nuca.   Vinícius: Boa noite bruxinha. Te quero muito.   Aquelas palavras cortaram meu coração. Preciso me afastar. Preciso me afastar. Preciso me afastar. Repetindo essas palavras eu dormi.   ...   O dia foi exaustivo como sempre é. Sai da casa do Vinícius cedo, não o acordei. Peguei a calça jeans e a blusa que tinha comprado, e por estar cedo fui até o guarda roupa dele e peguei um moletom preto com alguns detalhes marrom da Brookfield. Abusada mesmo. Sai e fui para o meu trabalho. Porque cheguei cedo, também acabei cedo então fui para casa e aproveitei para descansar. Meu celular tocou várias vezes, mas ignorei todas as chamadas. Precisava do meu momento. Porque meu coração j
Leer más
8
Vinícius: Tô indo embora. Vamos? - Ele falou em meu ouvido por trás.   _ Ah! A...   Estava realmente sem palavras.   Viviane: Boa noite amiga, e não vai embora amanhã, ou no caso hoje, vamos para um sítio. Lazer no domingo. Minha mãe vem nos visitar.   Ooooo merda, e das grandes.

Leer más

9
Desliguei o celular e não sabia onde enfiar a cara.   Vinícius: Quem é essa?    _ Uma colega de faculdade.   Vinícius: E ela me conhece de onde? Minha família?    _ Mora próximo a comunidade, ela quem me trouxe pro pagode.   Vinícius: E tu já sabia quem eu era?    _ Não, ela havia me contado sobre você, mas não sabia quem era. Só soube realmente no escritório.    Vinícius: Suave.    Ele foi o restante da viajem calado. Ficou um clima estranho entre nós dois até chegar no local. Era um sítio em Mairiporã, e que sítio, lindo demais. E já havia alguns carros estacionados. Ele desceu e colocou os óculos totalmente frio e distante. Eu peguei a bolsa e arrumei meu vestido.  Vinícius seguiu na frente e eu fui logo atrás. Ainda em silêncio. Ele nem se preocupou em
Leer más
10
Acordei na segunda com uma dor de cabeça, mas mesmo assim me troquei para ir trabalhar. Tomei um Dorflex e uma xícara de café para animar o dia, me preparei e sai de casa.   ...   A noite cheguei na faculdade e antes de entrar fui na barraquinha de lanche e pedi o meu de sempre. Subi para a sala e fiquei revisando algumas aulas. Até que meu professor chegou.   Professor: Tudo bem?   _ Tudo sim professor.   Professor: Ainda não estamos em aula pode me chamar pelo nome.   _ Ok André.   André: O que aconteceu? Você faltou na quinta.   _ Tive um problema.   André: Mas já resolveu? Precisa de ajuda?   _ Não, já está resolvido e estou voltando com foco total.   André: Certo, e o TCC. Não mudou nada né? Achei ele incrível.   Acabei ri
Leer más