RAFAELLA, Anjo ou Demônio - livro 2 - O despertar

RAFAELLA, Anjo ou Demônio - livro 2 - O despertarPT

Anna Cardoso  Completo
goodnovel16goodnovel
0.0
Reseñas insuficientes
30Capítulos
664leídos
Leer
Añadido
Denunciar
Resumen
Índice

RAFAELLA, uma jovem de vida profissional promissora, descobre que há muito mais entre o céu e a terra , principalmente sobre os mistérios de sua existência. Muita emoção, aventura e grandes revelações estão em seu destino. Será que Rafaella estará pronta para entender todos os segredos que carregam a sua linhagem?

Leer más

También te gustarán

Comentarios Deje su reseña en la aplicación
No hay comentarios
30 chapters
Prólogo
                                                             Por                                                      Anna Cardoso   Leer más
capítulo l
O ano era 1918. Fim da segunda guerra mundial. Mais de 100 anjos menores foram destinados a terra para ajudar as pobres almas que sofriam com o pós-guerra. Sofrimento, dor e muita devassidão por toda parte.  famílias destruídas, mulheres viúvas e sem esperança. Fome, doença e pobreza eram a triste situação do mundo. Engolidos pela escuridão assombrosa que decretavam o fim da humanidade.  Se não fosse a solidariedade dos anjos celestiais que lutavam pela sobrevivência dos seres humanos sobe o comando de Anael, o Todo Poderoso e Soberano teria conseguido seu intuito.   Cansado de receber relatórios desastrosos sobre a humanidade, Deus ordenou que seu filho Lúcifer comandasse o fim de uma época de decepção a qual ELE já estava saturado de ve
Leer más
Capítulo ll
Rafaella acordara cedo. Seu dia seria cheio, principalmente após o almoço. Hoje inicia sua reforma no apartamento e ela teria que se encontrar com Arthur, o decorador, para decidirem a paleta de cores e outros detalhes que ela havia pedido para acrescentar no projeto. Por mais estranho que tenha lhe parecido, acordara bem, mesmo depois dos últimos acontecimentos. Já haviam se passado três semanas depois do incidente do restaurante com seu ex-marido, o qual ela desejava nunca mais se lembrar. Sentia calafrios só de pensar na maneira como se sentira naquela noite. Seu ódio, raiva e decepção por ter dedicado sua vida inteira a um homem que só visava seu dinheiro. - Como pude ser tão cega? - Rafaella se perguntou olhando seu reflexo no espelho do banheiro. Seus olhos castanhos quase negros, denunciavam mais uma vez sua raiva. Ela ficou se encarando por um longo tempo, como se isso pude
Leer más
Capítulo lll
Ou almocao transcorreu como esperado. Alegre e produtivo. Arthur compreendeu perfeitamente ou que eu queria para a nova decoracao, do meu apartamento e das mudancaas que seriam necessárias. Adorei como ideias que ele tinha sobre ou tema que eu pedi: Art déco. Glamour e sofisticação. Mas o meu interesse foi muito mais na poesia em si, na década de 20, quando nasceu ou estilo. Período que eu amo e fascina para navegar, não sei bem ou motivo, mas eu gosto muito cedo. Faça cinema, artes plásticas, uma era de silêncio histórico e beleza. Ou que mais eu atraiu nesse estilo, foi minha visita a Paris... bercao do nascimento. Para mais que Paris me fachada lembrar da lua de mel e do fracasso do meu casamento... Há algo nisso que, eu trazia lembra e sensaes como quais no saberia descrever. Como Arthur m
Leer más
Capítulo lV
...” Ele vinha em sua direção todo majestoso, lindo como nunca. Sua espada brilhava ao bater da luz em sua lâmina. “A espada flamejante”. Fora dada a ele ainda jovem. Como recompensa por seus feitos. O filho mais velho, o primogênito, aquele que guardaria um dia, todos os segredos do universo e do mundo celestial. Seu pai, O Todo Poderoso, o aguardava.  Toda a guarda celestial estava lá. Seria o maior evento de todo o milênio. Nosso Pai, no alto do altar, seguidos de seus arcanjos, Rafael, SamaelLeer más
Capítulo V
Miguel deixou o corpo do logotipo do tiago depois de ter entrado no carrinho. Seu missao foi limpo. O corpo do Tiago era ali parado, inerte, em sono profundo. Assim, como voco concordou, ele não seria eded em tudo. Ele ficou olhando ou homem a quem usou como casca para seu disfarce e sentiu pena. Aquele homem amou sua mesma mulher. Infelizmente nenhum soube dar valor e nem ouvidos aos seus sentimentos e nem em razcao.   De qualquer forma, seu amado era livre do que ser quebrado de todos os podres que envolve. Por mais que ele soubesse que este homem ao seu lado, mal fez ou que lhe foi
Leer más
Capítulo Vl
Miguel não sabia o que fazer. Ficou ali parado observando o vai e vem das pessoas ao seu redor. Para onde eles teriam ido? E porque os dois estavam juntos? Tudo isso precisava ser esclarecido ou ele entraria em parafuso. Nada mais estava fazendo sentido para ele nesse momento. Ele fez sinal para o manobrista lhe trazer o carro do Tiago, que agora era seu. Acabara de ganhar uma vida mundana, um carro e uma casca permanente. Era hora de enfrentar as consequências de seus atos, sua vinda atrás de Anael lhe causaria muitos problemas e disso ele já sabia, então, como não havia mais volta, o melhor seria terminar o que viera fazer.   O carro chegou, entrou e olhou a rua à sua frent
Leer más
Capítulo Vl continuação...
Miguel andou de um lado para outro na imensa sala com o ar pensativo, tentando encontrar algo que pudesse ser feito para ajudá-la. Nunca houve na história, nenhum relato parecido com isso. Mesmo até porque, nunca nenhum anjo havia solicitado para se tornar um humano. Todos ou de caíram ou estavam no céu a serviço do Pai e só vinham a terra por ordem Divina ou às vezes por vontade própria...para fugir do tédio.  O que ele entendia até o momento, era que, Rafaella / Anael estavam em conflito. Pois sua mente ao renascer na terra, fora apagada. Isso significava que Anael jamais existiu para todos os efeitos. Hoje, após mais de cem anos, o subconsciente de Anael, resolveu dar sin
Leer más
Capítulo Vll
Rafaella, despertou assustada, olhou ao redor e nada viu. Apenas uma imensa escuridão. Silencio total. Forçou as vistas para ver mais ao longe, na esperança de encontrar algo por ali que indicasse onde estava. Mas não havia nada, além da escuridão. - Onde estou? - olá!? - nada – somente silencio e escuridão.  Olá! Alguém? - sua voz ecoou pelo lugar. Leer más
Capítulo Vlll
Ao chegarem no enorme prédio, Claudia foi recebida por um senhor que aparentava estar na meia idade, seu nome, Abymael. Usava uma roupa parecida com a de Claudia, em uma cor diferente, o cinza claro do couro da roupa já estava gasto e puído em alguns lugares. Não era um guardião como Claudia, era um Nefilin, assim como tantos outros, designado a cuidar do prédio. Muitos Nefilins, viviam ali, alguns abandonados pelos pais, verdadeiros ou não, e sem pra onde ir, os guardiões os encontravam em situações mais adversas possíveis e os traziam para o Vilarejo, e lá tinham casa, escola, comida e trabalho. Muitos seguiam seu caminho depois de adultos, mas outros, como AbymaelLeer más