Magnata do meu chefe

Magnata do meu chefePT

Soupandaaa  concluído
goodnovel16goodnovel
9.6
Avaliações insuficientes
53Capítulos
54.5Kleituras
Ler
Adicionado
Denunciar
Resumo
Índice

Após perder sua mãe, Katherine se encontra sozinha de volta a sua cidade natal, Nova Iorque em busca de um começo... O mundo parece não estar ao seu favor, até receber a proposta de ser babá do pequeno Noah, filho de Dylan Carter, uma das famílias mais ricas. Dylan é um homem grosso e rude e depois de certos acontecimentos deixaram ele pior, contudo ao ver Katherine parece que algo começa a mudar dentro de si... Algo muda dentro de ambos, tão forte e intenso que a única forma de controlar é se entregando a esse amor... Entretanto nada é fácil como pensamos..."E então, meu coração começou a bater diferente a partir do dia em que te conheci" _ Frase na capa do livro..

Ler mais

Você também vai gostar de

Comentários Deixe sua avaliação no aplicativo
Não há comentários
53 chapters
Estou dentro de um táxi escutando o que parece ser um clássico dos anos 70, daqueles que dão sono só de ouvir. Percebo a quanto perdida estou e não me refiro a um lugar específico, mas sim perdida na vida.  Somos feitos de sonhos, mas quando não os temos, não somos ninguém, infelizmente parece ser assim que tudo funciona. Há apenas alguns meses eu era feita de esperanças, uma garota sorridente e mesmo que a vida me batesse eu levantava com um sorriso no rosto, sacudida a poeira e saia de cabeça erguida, no entanto, eu não sei mais se sou assim.  Perdi minha
Ler mais
Acordo com o barulho do despertador e para ser sincera, sinto vontade de arremessa-lo na parede, bato nele umas trinta vezes tentando fazer com que ele pare com esse barulho ensurdecedor, mas parece estar possuído. Sento-me na cama me dando por vencida e desligo.  Pego meu celular e vejo ser 5:40 A.M., passo a mão sobre meus olhos e encaro a janela observando o sol surgindo entre o céu ainda escuro. Levanto e tomo um banho, seco meus cabelos fazendo cachos, visto uma lingerie preta e vou elaboro uma maquiagem básica para hoje.   Visto a roupa
Ler mais
Subimos e fomos para a esquerda, Jade e Adeline lutavam para me explicar onde ficava cada coisa. Existem vários quartos, uma academia, escritório, uma sala onde era mais um 'bar' particular, brinquedoteca, uma sauna, cinema, biblioteca e outras mais.  A suíte em que ficarei é uma das primeiras portas, logo vem o quarto de Noah. Entro no quartinho dele e é tudo incrivelmente lindo, fantástico!  Ajeito ele no berço balançando um pouco depois dele reclamar e beijo sua testa saindo do quarto. Ambas me esperam na porta, fecho e logo Jade começa a falar.Ler mais
Estou na sala terminando de dar a refeição que Angelina preparou para Noah, dou a última colherada quando ouço a porta abrindo e vejo Dylan, ele de primeira parece não perceber que estou aqui, até Noah dar um gritinho e balançar suas pequenas mãos fazendo festa.  — Aí está você! — Vem até a nossa direção e beija a testa de Noah.  — Boa noite, senhor Carter — Sorrio gentilmente enquanto ele pega seu filho de minhas mãos.Ler mais
Meu celular despertou às 5:30 da manhã, me levantei e tomei um banho para tentar relaxar meu corpo e m****r para bem longe esse sono que ainda me persegue. Termino, visto o uniforme e amarro o cabelo em um rabo de cavalo, passo um perfume leve por conta de Noah.  Falando nele, o mesmo não chorou mais depois da última vez, dormiu feito um anjinho e para minha felicidade, eu também. Falta cinco minutos para 06:00h, arrumo a cama e saio para o quarto de Noah, vejo que ele ainda dorme e a chupeta está caída ao lado, ponho em sua boca e saio do quarto.  Desço e o
Ler mais
Dylan  Não estava nada interessado a contratar outra babá, mas já que a última caiu fora por não conseguir dar conta das noites em claro de Noah, não tive escolha. E Adeline me convenceu que valeria mais a pena do que passar noites em claro tentando criar ele sozinho. Não que eu não leve jeito, mas é que é muito complicado cuidar um filho e administrar o trabalho que me exige muito.  Eu definitivamente amava a mãe do meu filho. Amei ela como nunca amei outra. O poder que tinha sobre mim, era assustador. Conseguia qualquer coisa que
Ler mais
  Sexta-feira - Katherine  Tem uma pessoa além de mim, comemorando a chegada da sexta em nossa vida. Esse alguém é Allan.  Ontem liguei para ele e mostrou-se bem empolgado por saber que iríamos comemorar essa noite. Ele marcou tudo. Pizzaria e depois iríamos para uma boate de um dos amigos dele, e lá encerraríamos nossa noite dançando e bebendo. Não mentirei, acabei rindo dele e da forma que falava, com tanta empolgação que parecia um
Ler mais
Fomos para uma pizzaria no centro, maravilhosa. Não tinha noção da saudade que estava de Allan. Sei que tem pouco tempo que o conheço, mas sinto que já não consigo mais desgrudar dele.   Como dizia minha mãe “Você pode ter um amigo a dez anos e mesmo assim ser um desconhecido, como também pode conhecer alguém a dez minutos e ser grandes amigos” E é isso, amizade não é questão de tempo e sim de conexão e isso eu e Allan temos de sobra.  Decidimos vir para a boate a 00:
Ler mais
Acordei com uma dor de cabeça terrível. Não tenho costume de beber assim e ontem bebi mais do que deveria. Vejo-me sozinha no sofá coberta com um lençol. Minha cabeça grita para levantar, mas meu corpo impõe que eu continue deitada sem realizar um movimento sequer.  — Allan? — O chamo logo após me sentar.  Não obtive resposta alguma, me levanto indo direto para o banheiro fazer minhas higienes diárias. Aproveito esse tempo para tomar um banho. Visto um short jeans preto com uma t-shirt deixando o cabelo solto. Ao sair do quarto vejo que já são 11:56.Ler mais
10°
Acordei cedo e já estou arrumada usando meu uniforme. Prendi meus cabelos em uma trança e estou na sala a espera do Sr. Lerdeza.  — Vamos princesa! — Grito para Allan e ele sai do banheiro apressado.  — Claro, estou pronto! — Pega suas chaves.  — Até que fim! — Pego minha bolsa guardando meu celular e minhas chaves.Ler mais