O sangue da paixão

O sangue da paixãoPT

Michele Silva  Completo
goodnovel16goodnovel
0.0
Reseñas insuficientes
13Capítulos
281leídos
Leer
Añadido
Denunciar
Resumen
Índice

Mary era uma humilde secretaria até o dia em que foi atacada e sua vida mudou completamente! Descobriu verdades obscuras sobre seu passado e transformou-se em algo que ela nem imaginava existir e o pior, estava em seu sangue!

Leer más
Comentarios Deje su reseña en la aplicación
No hay comentarios
13 chapters
1. Mordida
  Em uma noite movimentada de Nova York, estava Mary fazendo sua caminhada diária naquele bosque, as dezenove horas da noite ela saia para fazer seu exercício e tomar um ar fresco para tirar o ‘stress’ do dia a dia. Ela amava fazer aquele percurso, era um bosque lindo repleto de árvores flores e rosas cheirosas, apenas em alguns pontos faltavam um pouco de iluminação, pois as lâmpadas haviam queimado. Ela fazia uma hora e meia de caminhada entre a ida e a volta de sua casa.   Quando voltava para casa tomava um banho bem relaxante, esquentava um copo de leite ligava sua TV com seu DVD favorito já no aparelho e ali ela assistia sua série até pegar no sono.   Leer más
2. O bom coração
Passado alguns dias e ela se adaptava bem as mudanças, passou andar muito mais longe do que ia normalmente em suas caminhadas, até que um dia desses ela encontrou uma garota chorando sentada na escadaria de sua casa, Mary parou e perguntou se ela estava bem, pois seu bom coração havia amolecido também.   Aquela garota devia ter entre dez a doze anos e aparentava ser muito inocente doce e meiga pelo jeito em que chorava, sentada e abraçando suas próprias pernas.   Mary aproximou dela e falou:   — Leer más
3. A matilha
Mary o olha e sem dizer nada apenas vão seguindo em direção a sua casa. Chegando la, Henri a chama para conhecer o clã e ela aceita! E então ele diz: — Você já se transformou? Mary responde: — Não, eu apenas… Antes de ela terminar de falar ele completa!Leer más
4. Aprisionada
Mary seguiu para a casa de Alice, chegando la a mesa de jantar estava maravilhosa! Repleta de doces do jeitinho que ela amava, tinha pudins, bolos, e havia também petiscos salgados como, pasteizinhos, bolinhas de queijo, minicoxinhas e muito mais! Mary desejou feliz dia das mães para dona Sônia a mãe de Alice e ali elas passaram a noite jogando conversas fora sorrindo e se deliciando com aquela mesa farta! Se divertiram tanto que Mary agradeceu demais a Alice, pois a tempos ela não passava um dia das mães tão alegre depois da morte de sua mãe. Com um abraço de despedida Mary saiu e foi rumo a sua casa, era por volta da meia-noite e decidiu ir caminhando, pois, estava uma noite tranquila e linda, e sua casa também não ficava muito longe apenas algumas quadras dali. Mary estava distraída caminhando lentamen
Leer más
5. O resgate
Juntaram tudo que poderiam precisar e foram para rua pois precisavam de um carro, Henri avistou um Chevrolet ano 1968 motor v8 uma máquina exatamente do que eles precisavam, cor preta, e com sua habilidade com alfinetes abriu a porta do carro e fez ligação direta! Uma pena porque aquele carro era uma relíquia e Henri era apaixonado por carros antigos, todos entraram no carro e foram ao resgate de Mary, mas demoraria um pouco para chegarem, pois era bem afastada a fazenda onde Koppen prendeu-a. Após andarem por horas chegaram as terras da fazenda, devia ser por volta do meio-dia era um lugar fantástico um descampado enorme que envolvia toda a casa, não havia cercas ou porteiras… era tudo aberto árvores frutíferas e muitas flores, se não fosse as circunstâncias seria um lugar perfeito para passar um belo dia!   Leer más
6. Conversa informal
Todos aparentemente bem só Henri com a perna machucada, quando foram ver o porque ele não cicatrizou, perceberam que as balas que o falecido Koppen estava usando eram de prata com símbolos estranhos, foi terrivelmente doloroso para tirarem aquela bala de sua perna! Assim que retiraram demorou um pouco para a cicatrização ocorrer enquanto estavam de olho nele, Mary acorda e se depara com Edna, pois a deixaram em seus aposentos, Edna pergunta como ela está, mas Mary estava muito fraca e ela sabia exatamente do que Mary precisava, de um belo e grande pedaço de carne! Como já havia se prevenido foi até a cozinha e pegou o bife que já havia deixado pronto e o levou para que ela pudesse se alimentar e recuperar suas forças, quando Mary sentiu o cheiro daquele bife enorme e muito suculento comeu com a mão mesmo, escorria sangue entre seus dedos e ela passava a língua para não desperdiçar nadinha,
Leer más
7. A verdade
  Os dois se levantam e vão sentido ao grande barracão, sentam-se novamente e gradualmente vai chegando todos os membros do conselho, Leda, Eli, Edna, Marcondes, Noah, Estélio e Paulo.   Os membros do conselho não foram aleatoriamente escolhidos, cada um tinha uma história e uma qualidade que os diferenciavam! Edna não era somente a esposa de Eli como também era uma excelente curandeira, conhecia quase todas as plantas medicinais e as não medicinais também, ela sabia desde tratar uma dor de dente até em provocar terríveis alucinações caso necessário! Já Eli seu esposo, veio de uma linhagem rara de lobisomens conhecida como Wright, ele foi um dos sobreviventes a um grande ataque de caçadores que ocorreu em sua vila a décadas atrás, e desde então vem recrutando lobos
Leer más
8. Vingança
— Obrigada por cuidar disso para mim…   — Não precisa agradecer… Você está pronta para hoje? Henri a questiona terminando de apertar o último parafuso.   — Sim! Quando quiser! Ela o responde.   Então Henri se levanta e diz estar pronto, os dois saem e vão dar uma volta perto da casa de Koppen, para ver se havia câmeras e como fariam para entrar, passando pelo quarteirão avistaram uma câmera bem no portão dele e não teriam outra opção a não ser chamá-lo para ver se havia alguém na casa, e então Henri grita:   — Leer más
9. DNA
Ao voltarem a aldeia colocaram Mary na casa de Estélio enquanto Henri ficou com a casa do Marcondes, Eli reuniu todos da aldeia para dar a notícia do falecimento de seus amigos. Todos queriam saber como aconteceu e o porque, mas Eli marcou uma reunião para o dia seguinte para falar os detalhes a todos eles! Saindo dali todos foram tomar um banho quente e vestir roupas secas! Henri chama Edna e diz que precisa falar com ela a sós, e então ela vai até à casa dele, e ele diz:   — Você poderia trocar as roupas de Mary? Ela está encharcada.   — Sim, já irei la se não ela pega um resfriado. Responde Edna.   — Leer más
10. Transmutada
  Falando isso fechou a porta seguiu para seu banheiro tomou um banho e arrumou-se, passou na cozinha pegar uma grande xícara de café, seguiu diretamente para casa de Eli e todos já estavam a esperando! Bebeu um belo gole daquele café e colocou a xícara sobe a mesa pegou o papel que Noah a entregou e começou a ler!   Olhando seriamente aquele papel, ficou um momento em silêncio e em seguida disse:   — Inacreditável!   — O quê? Diga! Exclama Henri nervoso e preocupado.   — Leer más