Índice
43 chapters
DEZ
No momento em que abri meus olhos, eu sabia onde estava. O cheiro, o tecido do lençol, as buzinas gritando do lado de fora e a luz entrando pela janela de forma completamente diferente me deixaram extremamente familiarizada com o local em que eu estava.A casa de Oliver.Eu girei na cama macia, procurando por ele, mas estava sozinha. Que horas eram? Pela altura do sol, era tarde. Eu tinha que trabalhar, porra! Saltei da cama rapidamente e corri pelo quarto, procurando por minhas roupas. Jesus!, pensei, olhando em volta. A festa de ontem definitivamente foi grande.Nossas roupas estavam espalhadas, a mesa de escritório estava completamente quebrada e as coisas estavam no chão. Lembranças de como elas foram parar lá invadiram a minha mente, me deixando completamente excitada novamente.A forma como não paramos de nos tocar, mesmo enquanto ele dirigia. Meu cabelo voando com o vento forte, nossas l&i
Leer más
ONZE
O filme que eu havia escolhido desta vez fora “The Duffy”. Uma comédia romântica adolescente de baixo orçamento que resolvi assistir pelo simples fato de o final ser o mesmo de sempre.A mocinha fica com mocinho.A segunda caixa de chocolate que eu estava comendo nem tinha mais gosto de chocolate, e meu estômago estava começando a doer.– Que porra é essa, Paige? – Ouvi Lee gritar enquanto olhava em volta. – O que aconteceu com o seu quarto? Por que suas roupas estão todas no chão?– Acho que estou gorda, Lee. – Funguei sem tirar os olhos da televisão. – Experimentei elas e couberam, mas, de alguma forma, devo estar gorda.– Por que diz isso, querida? – Seu tom mudou completamente quando ela me viu naquele estado. – Paige, o que está acontecendo?– Deve ter algo de errado comigo, Leeta. –
Leer más
DOZE
– O filme é bom. – Ouvi Oliver dizer quando os créditos finais de Diário de uma Paixão começaram a subir. – Mas chorar por ele, quando você mesma disse que já assistiu esse filme um milhão de vezes, é meio exagerado, Princesa. – Sua risada me fez sorrir. Eu funguei e limpei minhas lágrimas, olhando para ele.– Eu não me controlo com coisas muito românticas.– Anotado. – Ele assentiu sorridente.– Você pretendia ser muito romântico comigo, Oliver Mason?– Não muito. – Respondeu, me puxando para perto de seu corpo nu e me abraçando. – Eu preciso ir, Paige.Sorri e assenti, tentando parecer tranquila com o fato de que ele iria dançar e se despir para outras mulheres.– Claro. – Beijei-o com vontade e mordi seu lábio inferior, trazendo Ollie para pe
Leer más
TREZE
Os passos ficaram mais altos à medida que ele se aproximava.– Paige? – Perguntou, espantado ao me ver ali, em frente ao seu carro.Eu não esperei por explicações de Rebecca e não parei quando Leeta me chamou. Eu apenas precisava ouvir aquilo dele. Diretamente dele. Se fosse verdade, tudo estaria acabado. Tudo o que não tínhamos, de qualquer forma.Meu lado racional tentou me dizer que até ele largar parte daquela vida, provavelmente dormiria com minha mãe, se ela pagasse. Porém eu não conseguia suportar o fato de Rebecca tê-lo conseguido depois de tudo. Portanto peguei o primeiro táxi e fui direto para a Orange Kiss. Pensei por um momento em entrar, mas era provável que Peter me visse e contasse para Oliver. Eu queria pegá-lo de surpresa. Então contornei o prédio grande, imponente e negro e fui para a parte de trás.O c
Leer más
QUATORZE
– Me fale sobre Mark.Olhei espantada para um Oliver aconchegado, com a cabeça em minhas pernas e esticado em uma toalha de praia no chão. O som das ondas batendo e das pessoas conversando em nossa volta embalava nosso mundo particular. O sol estava lindo e brilhante, não sendo possível enxergar uma nuvem sequer no céu.Contei mais sobre a minha família, e ele falou da sua. De certa forma, eu sempre era induzida a falar mais do que ele. Forçar a barra, após aceitar dar a ele o tempo que precisava, pareceria que eu não era confiável, e eu queria ser confiável. Deus, eu queria tanto que ele confiasse em mim.– Por que diabos quer saber sobre o meu ex-namorado?– Curiosidade de atual namorado, talvez? – Meus olhos se arregalaram, e baixei a cabeça, fitando-o espantada. – O quê? Você não quer ser minha namorada?– E
Leer más
QUINZE
Estávamos próximos a San Ysidro. Eu podia sentir meu estômago revirando tamanho era o meu nervosismo.Conhecer os pais de Oliver era um grande passo.Acontece que, após Oliver e eu decidirmos que estávamos namorando, eu lhe contei sobre como eu estava de férias compulsórias devido a venda do Bistrô. Contei também para ele sobre a oportunidade de virar subgerente do Califórnia. Ollie apenas sorriu e ouviu pacientemente enquanto eu citava cada palavra de Ivan. – Por que o sorriso de comedor? – Perguntei enquanto me sentava em sua cama e secava meu cabelo. Após a praia, decidimos ir para o seu apartamento. Eu vesti uma camiseta cinza de malha dele e me senti imediatamente confortável e protegida ali.– Porque esta notícia, na verdade, é muito conveniente para mim. – É?&ndas
Leer más
DEZESSEIS
O quarto em que eu estava era modesto, mas limpo. Era um Bed & Breakfast de beira de estrada, perto da casa dos pais de Oliver. Enquanto a chuva caia lá fora, eu tentava fortemente segurar minhas lágrimas e não pensar nos motivos pelos quais Oliver me deixou sozinha aqui e voltou para falar com seu pai e seu irmão.Tudo me levava a pensar que Ollie não era quem dizia ser.Meu medo era que ele estivesse envolvido em algo muito horrível, por isso seu pai e seu irmão agiam tão mal com ele.Sentindo um calafrio, me lembrei do jantar mais cedo. – Passe as batatas, mamãe. – Steve pediu enquanto continuava me encarando. Eu procurei desviar de seu olhar e manter meu foco em Betty ou na comida, mas ele realmente estava tornando isso algo difícil para mim. Mexi em meus legumes e carne tentando não prestar atenção em
Leer más
DEZESSETE
No momento em que o carro de Oliver entrou no estacionamento do Bed & Breakfast, eu abri a porta e corri para ele. Eu deveria estar com medo dele, minha cabeça gritava para eu me afastar, mas meu coração dizia que eu deveria escutá-lo. Vendo eu me aproximar, Oliver esticou seus braços e me puxou para o seu peito, cheirando o meu cabelo com força. Me apertei contra ele e o senti retesar com meu movimento. Me afastei ao ouvir o seu gemido e olhei para o seu rosto, para saber o que estava acontecendo.Fiquei sem ar ao ver seu lábio cortado, seu olho direito quase fechado e o supercilio esfolado.Eu queria gritar perguntas para ele, mas ele estava ferido e tinha lágrimas em seus olhos. Eu poderia ver ódio, remorso, sofrimento, medo e decepção, tudo junto. Uma mescla de sentimentos dolorosos e sombrios vinham do rosto do meu Príncipe.– Venha, eu vou cuidar de voc&e
Leer más
DEZOITO
Oliver estava diferente no dia seguinte. Parecia que toda a atmosfera da paixão da noite passada havia ido, e a realidade caia sobre nossas cabeças. Ele não havia conversado muito comigo, no entanto, não saia do telefone.Quando chegamos em casa, me deparei com uma Leeta aflita.– Lee? – Me aproximei enquanto ela corria de um extremo ao outro pelo apartamento. Olhei para Oliver, que analisava o local de forma preocupada. Leeta voltou do quarto com sua nécessaire em mãos e um par de tênis na outra. – Leeta, o que está acontecendo?– Eu preciso ir para casa por um tempo. – Disse, nervosamente. Seus olhos foram rapidamente para Oliver e desviaram para mim mais uma vez.– Algo sério?– Não, mas eu vou ficar com eles por um tempo, P.– E seu trabalho? E as suas coisas? Lee?! Fale comigo? – Pedi enquanto ela se dirigi
Leer más
DEZENOVE
No momento em que acordei pela manhã, saltei da cama sabendo que Oliver não estaria nela. Corri para a cozinha, desesperada e rezando para que ele estivesse lá.E ele estava.– Bom dia, Princesa. Que cara é essa? – Perguntou, rindo.– Pensei que você tivesse ido. Me deixado. – Corri para ele e o abracei com força. A noite anterior fora a melhor da minha vida, nunca havia me sentido tão amada e desejada. – Tudo o que aconteceu ontem à noite me levou a crer nisso.– Esse era o plano, Princesa, mas eu não consegui. – Disse e me apertou mais em seus braços. – Eu não quero ficar longe de você. Eu deveria ir para que você possa viver uma vida feliz e sem perigos, mas eu não consigo.Me separei dele e ri, acariciando seu rosto.– Isso é tão romance de vampiros adolescente.–
Leer más