Índice
65 chapters
Capítulo 1
Martina - Tina, você está aí ?-a dona da casa do aluguel bate na porta pelo atraso do pagamento novamente e eu engulo em seco antes de responder.  Fazia um tempo que eu estava esperando por esse momento, apesar de ensaiar várias vezes o que fazer ou como agir, eu agora não me sentia pronta para o que estava por vir.  — Já vou dona Morgana. — Abro a porta e vejo a expressão facial farta de tanto esperar não só pelo dinheiro mas também pela minha demora em atendê-la.  — Preciso do meu dinheiro hoje mesmo, já não posso esperar mais, o meu marido está doente e eu não tenho como pagar o hospital. Já lhe dei muitos meses e ainda assim, nada.  Quero que coloque seus pés pra fora da minha casa. — Ela revira os olhos e me olha confusa. &n
Leer más
Capítulo 2
Jorge —Valéria, você é só mais uma aventura. Você sabia desde o início.- Se não quiser entender, eu não farei mais nada por ti. — a insistência dessa mulher só me fazia perder meu tempo. — Você não pode fazer isso comigo amor, sabe que eu te amo e nunca aceitarei te ver com outra que não seja eu. — Dá de ombros, me observando a vestir.  Valéria é uma mulher extremamente boa em tudo que faz, tanto na cama como secretária. Seu corpo e suas seduções podem fazer qualquer homem cair aos seus pés por querer possuí-la. — Querendo você ou não, vais ter de aceitar isso Valéria. Não sou homem de uma mulher, muito menos de ser domado e comandado por uma. — Deixo claro me sentando na cama macia do hotel.&
Leer más
Capítulo 3
Martina — Tina, você não sabe.— Mechi grita de emoção. — O que? — Um sorriso brota em meu rosto após ver tanta felicidade em minha amiga.  — Eu falei com meu boss e ele quer te conhecer.   — De verdade? Minhas mãos tremem sem saber o que fazer. Meu primeiro instinto foi abraçá-la e pular de alegria.  Eu estava tão alegre que não estava pensando em mais nada além da solução dos meus problemas. Contudo, me veio a questão: com o que eu trabalharia?  Não querendo pertubar Mechi com isso, vou até seu quarto onde estavam algumas coisas minhas.  Já eram 5pm e como de costume quando estamos junta
Leer más
Capítulo 4
(Jorge)   Ligação em   Sebastian: Jorge, são 10 da manhã e você nem aparece na empresa, ou o que está acontecendo? — Meu amigo se lembra de mim com sua ligação.   Jorge: Não, só vou aparecer no período da tarde. Então, por favor, se houver algo urgente a fazer, saia da sala ou fique de frente para mim se puder. — Digo com sono, uma noite com Stephie foi maravilhosa.   Leer más
Capítulo 5
P.V.O Depois de nos ter apresentado, pedi-o para que me mostrasse o meu local de trabalho e que me adiantasse com alguns documentos que mais tarde ele viria a precisar, assim que já cheguei trabalhando... [....] Passados duas horas ainda me encontrava nas empresas Torresblanco revisando alguns papéis, ou assinando alguns informes, quando dou por mim já eram 5:00PM só faltava meia hora para poder terminar o meu expediente, assim que decidi ir para sala do Jorge para perguntar se tem alguma coisa que eu possa fazer, o celular fixo da secretaria toca, não demoro muito e vou atendê-lo. -Empresas Torresblanco, assistente pessoal do presidente, com quem deseja falar? — Stokes, sou eu Jorge preciso que venha pra minha sala já!! Assim que escuto isso me assusto pensando no pior, será que fiz algo de errado
Leer más
Capítulo 6
(Martina) Quem ele acha que é? O dono das mulheres? Acha que só porque tem dinheiro pode ter qualquer mulher na sua cama? Não posso trabalhar com esse tipo de homem, que assedia mulheres, como poderei ficar tranquila se isso aconteceu comigo?  Chego na minha casa, vou esquentar a comida enquanto descanso os pés, contando que sai da empresa até aqui caminhando. Por pouco não me atropelam por causa de tantos problemas, não posso sair de um problema que já entro em um outro. Quase morri de susto quando o homem gritou dizendo que devia tomar mais cuidado andando na estrada. Agora me encontro sentada com os pensamentos a flor da pele, aquele cafajeste. Toco nos meus lábios lembrando do que acontecera no seu escritório antes dele encher a boca para me humilhar e dizer porcarias. Seu beijo foi tão intenso que queria ficar ainda mais aí, sen
Leer más
Capítulo 7
Jorge PVO Depois da cachorra da vale ter me deixado lá plantado, decidi sair pra poder espairecer um pouco e nada melhor que na casa de um velho amigo que possa me entender, assim que fui pra casa de Ruggero pasquarelli , meu melhor amigo quase irmão de por toda vida, sai do hotel e fui directamente pro meu carro, peguei uma estrada longa, uns 35min no volante e quando dou por mim já estava no portão bem ao pé da casa.... Toc-toc já era a segunda vez que batia na porta e ao terceiro toque alguém gritou um já vai. — Jorge que surpresa não esperava sua visita aqui, principalmente a essas horas. —Falou olhando o relógio de pulso no seu braço. — Não vai me convidar pra entrar? — Perguntei ainda do lado de fora da casa, na sua porta.  — Claro, passa, vai querer alguma
Leer más
Capítulo 8
Fui me aproximando da água, até que vi a sombra de um homem parado ao pé da água.   Actualmente:   Tive medo de me aproximar do homem, mas algo em mim me dizia que eu tinha que estar aí, o desconhecido me era um tanto familiar, tive a impressão de ter visto o homem com uma garrafa de bebida. -E se ele for um estuprador? Calma, eu nunca vou saber se não me aproximar.- pensei.   Jorge    Quando sai da casa de rugge, estava indo pra casa quando pensei em passar um tempinho só. Me vi na estrada parado ao pé de uma praia e simplesmente me deu uma vontade de ir pra lá, e fui. Quando cheguei a praia tava deserta sem ninguém, devo admitir que é bem melhor estar sozinho numa noite tão linda como hoje, depois de uns 15 min senti alguém me observando, o olhar de quem quer que seja estava me queimando.   Demorou mais 5min e eu decidi me virar e ver quem era a pessoa que me encarava, ass
Leer más
Capítulo 9
Os dias passaram voando e a minha situação económica melhorou o bastante, o que não mudou é o Jorge que continuava com esses seus joguinhos, cada dia era a mesma coisa, tem vezes que ele muda, mas termina sendo a mesma coisa...ele é meio que bipolar. A última vez que estive com ele, foi na praia, o que foi aquele beijo gente? Depois do beijo fiquei constrangida e ia saindo correndo quando ele me puxou de novo e me tascou um beijão, no início tentei resistir mas foi impossível, eu nunca senti isso que sinto quando o meu chefe me beija, é, pode tá parecendo uma oferecida e tal, mas tô morrendo de vontade pra ele me beijar de novo. ... 12:30 da tarde e Jorge ainda não chegou pra reunião que está atrasado a 5min, e cada vez que vou pra sala de reuniões os colombianos me olham com um olhar fulminante, mas uma
Leer más
Capítulo 10
(Martina)  Meu chefe disse amanhã cedo viajaríamos e assim se fez, eu não queria aceitar, porém, não tive como escapar dessa cilada eu acho. O voo sai às cinco e eu estou aqui esperando meu chefe me buscar para o aeroporto. Eram 4:30 da manhã e eu estava acordada.  — Passageiros com destino a Colômbia.. — Eu estava prestando atenção naquela voz para não ter que conversar com Jorge. — Você conhece Colômbia?— perguntou nos tirando daquele silêncio infernal. Na verdade eu não gostava muito de alturas, então precisava me portar bem para não estar só no avião. — Não, é a primeira vez que viajo na verdade.— disse caminhando. — Tá falando sério? — deu uma gargalhada infernal
Leer más