A paixão doentia de Jones  (Livro 1)

A paixão doentia de Jones (Livro 1) PT

Fênix  Em andamento
goodnovel16goodnovel
0.0
Avaliações insuficientes
107Capítulos
3.0Kleituras
Ler
Adicionado
Resumo
Índice

"Ninguém diz não ao Jones." Mayli apaixona-se pelo cara mais popular do time de basquete, por ser feia foi humilhada e desprezada por ele. Após uma viagem com as amigas, ela volta totalmente transformada e torna-se a garota mais desejada do colégio.

Ler mais
A paixão doentia de Jones (Livro 1) Download gratuito de Novelas Online em PDF

Último capítulo

Você também vai gostar de

Livros interesantes do mesmo período

Comentários Deixe sua avaliação no aplicativo
Não há comentários
107 chapters
Prólogo
Moro na Virgínia com minha família. Meu pai é dono de vários hotéis pelo mundo. Sou filha única, mas nunca me importei em não ter um irmão. Tenho duas melhores amigas: Tereza, ruiva dos olhos cor de mel e Shanice que é oriental, suas íris são negras. Nos conhecemos na quarta série. Desde então, ficamos inseparáveis. Quando completei 13 anos, me apaixonei pelo Jones, o capitão do time de basquete. Ele era o mais lindo e popular do colégio. Sempre fiz de tudo, com o propósito de chamar sua atenção, contudo, nunca olhou para mim. Parecia invisível aos seus olhos de esmeralda. Eu era considerada a menina mais feia da escola, só porque tinha espinhas, sobrancelhas muito peludas e usava um aparelho odontológico bem feio. Nunca me preocupei com a aparência, pensava que o interior era o mais importante. Minha festa de 15 anos estava chegando. Sonhava todas as noites com ele, nós dois dançando no baile de debutantes. Queria ver o Jones vestido de príncipe encantado,
Ler mais
O baile de formatura
O final do ano letivo  aproximava-se, passei direto com as notas mais altas. O baile de formatura estava chegando. A família de Shanice, Tereza e os meus pais estavam orgulhosos de nós três. Escolhemos estudar juntas na Califórnia, eles me presentearam com uma casa linda em um condomínio fechado, próximo à faculdade. Passamos a semana toda fazendo planos, fomos nos despedir dos parentes  e amigos mais distantes.  Os meus sonhos estavam se realizando tão rapidamente que parecia surreal. A noite do baile em fim chegou, passamos o dia no spá cuidado da beleza, há uma semana atrás havíamos escolhido os nossos looks.Tereza vestiu um trage longo decotado bem  provocante na cor vermelho sangue. Escolhi um lindo vestido preto com detalhes prata. O de Shanice ia até o pé na cor dourada. Ao chegar ao local da festa, fez-se um enorme silêncio, todos passaram a nos observar. Éramos as mais bonitas da festa. Foi incrível a sensação de ser notad
Ler mais
Dia de praia
Acordei com o sol no meu rosto, olhei as horas no celular: eram 6:20 da manhã. Levantei e fiz minhas higienes e desci para tomar café. Chegando lá, Tereza estava comendo. Coloquei o meu e sentei-me ao seu lado a mesa.  — Bom dia, dona Lúcia!— falei com a cozinheira. — Bom dia, minha menina!— sorriu. — Iai? Vamos à praia hoje?— perguntou Tereza. — Sim! — Que bom! Preciso apreciar novos horizontes e perspectivas diversificadas— falou descaradamente. Revirei os olhos. — Você é doida!— rir. Ela deu de ombros. Depois que terminamos, fomos nos arrumar. Escolhir  um biquíni franzidinho preto, peguei um short jeans e uma regata. Desci e fiquei esperando pelas meninas. Chegamos à praia, era um dia de domingo e o lugar estava lotado. Procurei um local bem reservado, mas Tereza e Shanice queriam ficar olhando os garotos. Caminhamos no calçadão da Orla, paramos de fronte a um q
Ler mais
As meninas estão desesperadas
No outro dia, acordamos bem cedo. Tomei meu banho, escolhir uma calça preta, uma blusa e tênis azul. Deixei meu cabelo solto. Desci, encontrei as meninas  tomando café, peguei o meu e juntei-me a elas. Quando terminamos, chamamos um táxi e fomos à faculdade. A instituição era linda, a frente  toda de vidro, tinha 4 andares. Fui até o armário pegar os livros que precisaria, Tereza foi direto a sala. Shanice e eu fomos em direção ao corredor e acabamos encontrando no meio do caminho Deivid com um amigo. — Bom dia, Deivid!— cumprimentei. — Bom dia!— falou friamente. Não entendi nada... Entrei na sala e sentei-me  perto da janela. ••••••∆••••••∆•••••••∆— Essa Mayli é uma gata, que mulher maravilhosa. Sua amiga, cara?— perguntou o amigo. — Loira dos olhos azul-celeste, ainda por cima um corpo perfeito. Ela é meu tipo ideal... — Digamos que sim!— passou a mão na nuca. — Apresenta-me a
Ler mais
Tereza e suas loucuras
Na manhã seguinte ao chegar na aula, Deivid continuou a ignorar-me. Não dei mínima... Quando tocou o sinal do intervalo, fomos comprar uns petiscos. Nos sentamos no pátio e ficamos conversando. Um determinado momento, Gael veio até nós e sentou-se ao meu lado. — Bom dia, meninas!— falou. — Bom dia!— falamos em simultâneo. — May, quer sair comigo? Almoçarmos fora!— Claro, Gael! Adoraria.— Que bom!— sorriu. Depois que terminamos de comer, voltamos à sala, ficamos juntos durante a aula toda. Na hora da saída, Shanice  chamou-me e perguntou: — Você e o Gael estão juntos?— Não! Ele é só um amigo.— Todos estão comentando sobre vocês dois! — Deixem eles falarem, não estou nem ai.Deivid passou por nós duas e nos ignorou completamente. Tereza viu a cena e veio correndo em nossa direção. — Não falou com você?— perguntou. Revirei os olhos. — Deixa
Ler mais
Dia de Beleza
Como era sábado, decidir acordar mais tarde. Estava tendo um sonho perfeito, quando Tereza entrou dentro do quarto, as 8 horas da manhã.  — Acorda, Mayli! Hoje é o grande dia— disse. —Deixe-me dormir, eu estou morrendo de sono!— coloquei o travesseiro na cabeça.Ela ligou o rádio bem alto e começou a cantar aquela música insuportável.  — Levanta, amiga! Temos cabeleireiro, manicure e pedicure. Shanice acordou irritada, entrou no cômodo e perguntou: — Que barulho é esse? Estou morrendo de sono! —Meninas sabem que dia é hoje? —Eu não estou nem ai, Tereza. Saia do meu quarto, por favor!— falei. — Marquei um dia de beleza para nós, temos hora marcada— chegou perto de mim—, Levanta logo ou vou ficar aqui gritando o dia todo. Sentei-me na cama sem forças, ela puxou-me e acabei cai no chão. — A gente não tinha combinado de acorda mais tarde hoje— exclame
Ler mais
Hora da festa (Parte 1)
A maquiadora chegou. Tereza veio acordar-me aos berros.— Levanta, Mayli! Ela já chegou.— Estou indo! Só um minuto.— Ok...Com o corpo implorando para voltar a dormir, conseguir descer as escadas, quase caindo. A maquiadora fez um excelente trabalho, passamos logo o batom e fomos escolher o look certo para o aniversário. Nada podia dar errado. Escolhi um vestido preto, bem decotado e um sapato dourado combinando com o meu colar e o brinco.Tereza escolheu um longo vermelho tomara que caia; com salto alto de 15 cm, preto com detalhes prateados. Shanice vestiu-se de dourado, a roupa era bem curta, porém, pouco decotada; sapato da cor nude com o salto vermelho.Demoramos uma hora e meia, enfim ficamos prontas.— Vamos no seu carro, Mayli.— Deus livre-me, Tereza! Você bebe como um cach
Ler mais
Hora da festa (Parte 2)
Tereza e o cara mais galinha da faculdade ficaram agarradinhos por horas e horas. O nome dele é Fábio, atleta do time de vôlei. Ela bebeu a noite inteira e os dois fizeram sexo sem nenhum pudor bem no meio da grama, próximo ao jardim. Naquela festa, ela ficou com uns  cinco caras, porém, estava tão louca que não lembrou da aparência de nenhum deles, exceto Pietro que foi o seu preferido.Shanice ficou se pegando com o Caíque durante a madrugada inteira. Deivid chamou Pâmela para dançar, ela aceitou.Os dois foram juntos a pista de dança. — Por que você ignorava-me desde a quinta série? Deivid respondeu: — Não gosto de relacionamentos sérios! Prefiro aventuras passageiras. O meu trabalho e os estudos toma muito do meu tempo, nenhuma garota entende isso! — Entendo, fica comigo e não serei esse tipo de garo
Ler mais
Enquanto isso!
— Está fazendo o que Jones— falou Breno ao se aproximar dele—, Olha só você! Está Bisbilhotando o Facebook da Mayli?— Estou sim! — Nossa...Como ela está incrível, que Gata! — Tira o olho Breno! — Tira o olho por quê?— contraiu as sobrancelhas—, Você a humilhou quando soube que gostava de te! Qual foi agora?— Estou aqui vendo-a ser feliz com outro, não consigo conformar-me! Como fui burro de perder uma garota tão incrível. — Esqueça! Agora ela está nos braços de outra pessoa, já era. Vamos sair conhecer novas vítimas Jones. — Vou mandar uma mensagem para May e já estou descendo. Espera só um minuto! — Certo cara! •••••••∆•••••••∆••••••••• No final da tarde quando já estava escurec
Ler mais
Muita vergonha
Uma semana depois…— Meninas, tenho recebido mensagens anônimas!— Quando começou a receber essas mensagens May?— Tereza perguntou.— No domingo!— Deixa eu ler— Pega o meu celular no sofá Shanice, abre nas mensagens por obséquio. — Fala em voz alta amiga, também quero saber- disse Tere.— Está bem Tereza— respondeu Shanice.— Você será minha Mayli, não adianta tentar escapar!— Nossa!... Isso parece uma ameaça, temos que chamar a polícia— falou a fogueteira.— Calma meninas, deve ser algum garoto da faculdade tentando brincar com minha cara— falei.— Tomará, viu amiga! Porque essa mensagem é assustadora— falou Shanice.••••••••••O final de semana chegou, Gael me ligou:> Amor? Como você está?> Oi amor! Estou bem e você?> Também! Vamos a uma festa amanhã? É o aniversário do meu amigo, queria muito levar você comigo.> Sinto muito, mas não posso! Tenho uma prova
Ler mais