Uma sessão estranha

Uma sessão estranhaPT

Piter Cezepauski  En proceso
goodnovel16goodnovel
0.0
Reseñas insuficientes
10Capítulos
293leídos
Leer
Añadido
Denunciar
Resumen
Índice

Introdução Um conto de uma sessão de terapia, onde ocorrem diálogos, questionamentos e duvidas, tratando questões estranhas que muitas vezes nos fazem achar que somos diferentes do restante do mundo, quando na verdade, a diferença acaba nos tornando seres únicos. Neste livro em questão, é retratado sessões de terapia, abordando diversos assuntos desconfortantes, reflexões sobre a vida, e quem somos perante a ela, sobre sexualidade, e questionamentos sobre nós mesmo. Acusações sobre a sociedade e o sistema imposto pelo governo, assim como assuntos estranhos que o motivarão a continuar lendo esta curiosa obra.

Leer más

También te gustarán

Comentarios Deje su reseña en la aplicación
No hay comentarios
10 chapters
INTRODUÇÃO
 UMA SESSÃO ESTRANHA  Escrito por Piter Cezepauski  EXCLUSIVO NA BUENOVELA!!!  Introdução      Um conto de uma sessão de terapia, onde ocorrem diálogos, questionamentos e duvidas, tratando questões estranhas que muitas vezes nos fazem achar que somos diferentes do restante do mundo, quando na verdade, a diferença acaba nos tornando seres únicos. Neste livro em questão, é retratado sessões de terapia, abordando diversos assuntos desconfortantes, reflexões sobre a vida, e quem somos perante a ela, sobre sexualidade, e questionamentos sobre nós mesmo. Acusações sobre a sociedade e o sistema imposto pelo governo, assim como assu
Leer más
CAPITULO I
CAPITULO I     - Doutora! Precisamos conversar - Disse Richard Kammer     - Tudo bem, mas eu não sou doutora, não tenho doutorado, sou psicóloga - Fez o favor de responder a Psicóloga Michele.     - Sente se em meu divã - Disse a Psicóloga Michele     - Agradeço - Disse Richard Kammer com gesto positivo com a cabeça     - Agora são nove horas da manhã, o dia está bonito, não está? - Pergunta a Psicóloga Michele     - Sim, está bonito, eu até dei uma volta no quarteirão antes de entrar. - Respondeu Richard Kammer sentado no divã confortável em frente a poltrona de couro da Psicóloga Michele     - Por que decidiu caminhar? Ficou em
Leer más
CAPITULO II
CAPITULO II      - Então estou aqui novamente – Comentou Richard Kammer      - Tudo bem Richard, vamos do princípio, me conte novamente o que o trouxe aqui – Solicita a Psicóloga Michele      - No princípio tudo era escuro...- Diz Richard, mas é interrompido pela Psicóloga Michele que diz – Richard, vamos do princípio da sua última sessão, em diante, o que fez nesse tempo, desde o momento em que saiu daqui semana passada. – Simpática      - Ah, sim, claro! – Diz Richard atrapalhado e continua... – Quando sai daqui aquele dia, eu só conseguia pensar, o quanto eu não consegui me expressar doutora –      - Por favor Richard, pode me chamar de Michele, quando eu tirar meu doutorado, farei questão de que me chame de doutora, mas até lá, apenas Michele, está bem?! – Solicita Michele, educada e gentil, com algumas risada
Leer más
CAPITULO III
CAPITULO III      Muitas pessoas para evitar a real solidão, decidem adotar algum animal de estimação. Richard também havia tentado, mas os seres vivos não pareciam gostar dele. Richard tentou ter um gato, mas o gato se enfurecia toda vez que seu dono se aproximava. Richard tentou ter um cachorro, e acabou levando três injeções por causa da mordida de seu cão. Richard tentou ter um passarinho, mas o mesmo o bicava toda vez que tentava colocar comida e água.      Todas as tentativas de Richard de evitar a total solidão, se esgotaram. No fim Richard teve que confrontar e aceitar sua real situação. Vivendo sozinho, Richard limpa, cozinha, lava, ocupando seu dia, e sua mente. Mas as tarefas domesticas, Richard termina no máximo em duas horas, o deixando livre o resto do dia, com a cabeça desocupada, pensando e refletindo.      Assim foram passando os di
Leer más
CAPITULO IV
CAPITULO IV      - Bom dia! Michele, estou aqui novamente – Disse Richard, entrando no consultório da psicóloga Michele, um pouco abatido, com olheiras, e o cabelo um pouco bagunçado.      - Bom dia! Richard, enfim mais uma semana passou, e você está aqui, eu estava um pouco ansiosa para conversar com você Richard – Saúda Michele, e diz em um tom gentil.      - Mesmo? Porque? – Pergunta Richard, um pouco espantado      - Gosto de você Richard, você é meu paciente, me parece ser uma boa pessoa, mas me diga como foi sua semana? – Respondeu Michele, naturalmente, se sentando em sua poltrona. Richard já havia sentado, e disse ter sido uma semana igual as outras. Sem prolongar muito.      - Estou um pouco nervoso? Mas por que eu estou um pouco nervoso? Eu já á conheço, já estive aqui outras duas vezes, não era
Leer más
CAPITULO V
CAPITULO V      Chegando no seu consultório, estacionou seu carro, e subiu até o segundo andar, pelas escadas pensava nos seus afazeres ao longo do dia. E para sua surpresa, Richard não estava.      - Pois bem, assim terei tempo de dar uma organizada no consultório – Positiva Pensava Michele, porem desapontada. Mas o jeito seria esperar até as oito horas, que bateria em exatos 41 minutos.      Michele organizou alguns documentos, papeis para lá, papeis para cá, tirou o pó de alguns objetos, arrumou as almofadas, sacudi-las, afofa-las e as colocaste de volta. Ajeitou a posição da sua poltrona, da sua escrivaninha, e do divã, e então olhou ao seu relógio, e apontava 07:23, havia se passado apenas quatro longos minutos.      Michele sentou-se, respirou, levantou e decidiu tomar uma xicara de café, ao adoçar com açúcar, pensou – Não
Leer más
CAPITULO VI
CAPITULO VI     Havia muitas coisas na cabeça de Richard Kammer, tentou dizer, sobre a descoberta que a comida faz ao cérebro humano, sobre o que o sono faz, e dizia não ter dormido. Pois assim despertaria sua esperança, assim como comer. E o atrapalharia hoje, o dificultaria a se expressar.     - Eu quero estar no controle Michele, quero ver a realidade como ela é, e gostaria que todos vissem, pois veriam o quão animais irracionais estávamos sendo, agindo como verdadeiros animais irracionais. – Explicou Richard Kammer, em um tom de lamento, mas com toda certeza.     Michele ficou em silencio, tentou juntar os pontos, e montar o quebra cabeça que Richard dizia, mas estava muito confuso, e depois de trinta segundos, Michele decidiu.     - Richard, você não comeu? Não do
Leer más
CAPITULO VII
CAPITULO VII      - Você trouxe assuntos muito complexos Richard, acredito que finalmente conseguiu se expressar da forma a qual gostaria de ter se expressado desde o começo de nossas sessões. Mas tudo que você me disse não se aplica no mundo moderno que vivemos hoje. Mesmo que você tenha ido tão longe nos seus pensamentos, ainda há tempo de voltar e fazer as coisas certas para poder ter uma vida estável e tranquila no futuro. Você precisa começar de um ponto, terminar o que não terminou, como o colégio, dessa forma poderá estudar e ingressar em uma faculdade ou curso superior, para conseguir um emprego melhor a qual não exija tanto do seu tempo, já que o preza muito. O caminho pode ser longo, mas com um passo de cada vez você terá a certeza que chegará do modo correto sem dar chance ao regresso. Suba um degrau por vez, dessa forma não irá cair, pensa como se sua vida fosse uma enorme escadaria, você chegará ao topo no seu devido t
Leer más
CAPITULO VIII
CAPITULO VIII      O tempo pode ser muito generoso, mas ao mesmo momento, o tempo lhe cobra algo que todo ser vivo tem em comum, a vida. A vida passa diante de nossos olhos como que em diversas repetições, rotinas e afazeres, muitas vezes nem nos damos conta que o dia passou, que a noite chegou, ou que o sol nasceu no Leste mais uma vez. E por mais generoso que o tempo possa ser, ele jamais deixará de passar, e de cobrar a vida plena que você vive, que nós todos temos.      Um dia nascemos enrugados, e conforme nosso crescimento, a pele estica nos dando aspecto de jovens, corpos cheios de energia, órgãos em pleno vigor, como se esse momento fosse durar para sempre, porém conforme o tempo passa, e nosso crescimento aumenta, envelhecemos sem parar, e nossa energia e vigor, já não é a mesma. Por alguns anos, sentíamos que poderíamos tocar as estrelas e nada poderia nos parar, mas isso mu
Leer más
CAPITULO IX
CAPITULO IX      Por fim a vida de Richard Kammer nunca tomará o rumo que desejasse, mas a compreensão dos fatos, foi o principal aprendizado para seguir sua vida louca, da melhor maneira possível.      Os dias passaram, e o dia de se consultar com a psicóloga Michele chegou, o relógio marcava nove horas da manhã, quando Richard bateste na porta. Gentilmente Michele o atende, com um sorriso no rosto ao ver Richard Kammer.      - Como está Richard? Vejo que seu cabelo está molhado, isso é um sinal que voltaste para casa, isso é bom! – Diz Michele se sentando em sua poltrona      - Sim, acho que estou melhorando de certa forma, eu entendi muitas coisas desde nossa ultima sessão, voltei a visitar minha mãe, acho que isso é uma coisa boa – Respondeu Richard, se sentando ao divã      - Isso é muito bom Richard, fico f
Leer más