Retrato Social

Retrato SocialPT

Micael Pinto  Completo
goodnovel16goodnovel
0.0
Reseñas insuficientes
9Capítulos
1.3Kleídos
Leer
Añadido
Denunciar
Resumen
Índice

Retrato social é um livro com lucubrações, o pensar solto sobre determinada perspectiva de um prisma, contos, poema dramático, questiona os valores tradicionais a mesmice, em aventuras cósmicas, dilemas da juventude, poesias em trovas, este livro te transporta em breve linhas para tais segmentos e outros demais.

Leer más

Você também vai gostar de

Comentarios Deje su reseña en la aplicación
No hay comentarios
9 chapters
Em Prol da Benção, Parte I
O novo jogo“[...]  O tabuleiro foi montado novamente e agora não será desmanchado, novas regras sociais estão a permear, a humanidade, o jogo anterior caiu em declínio a palavra permeada por última, as intrigas pessoais, a busca incessante pelo ouro, isso tudo se desmoronou, foram posta novas peças no tabuleiro, agora somos guiados pelo Ser Superior, através da convergência da profecia que estava espalhada nas artes, ele chamou a madame, mas negou, realmente esse mistério deveria ser árduo e solitário, tenderia ao fracasso se fosse feito em dupla, e as novas leis mund
Leer más
Em Prol da Benção, Parte II
Eternidade“[...] Direciono a Glória da Eternidade, em um caminho que leve ao Mar, ou até mesmo ao abrir as portas da minha antiga residência, minha consciência, minha mente se perpetuando além da matéria, corrompida pelos peso da idade, a mente, se transformou em Espírito, e Alma já não é mais intermediária do corpo, lutei como fera, entre a carne e o espírito, agora que fiz a grande viagem, o Pai Celestial está a me chamar abrindo as portarias do Paraíso, Juntamente com a Mãe Espiritual, no recinto, encontramos pessoas ilustres que lutavam tal qual albatroz em prol de alimento, com a
Leer más
Em Prol da Benção, Parte III
Monstros e Demônios“[...] Força negativa nenhuma és empecilho em meu viver, vibro pela paz, harmonia, compreensão, iluminação e amor, amor mútuo e se possível amor doado sem reciprocidade, meus monstros foram desintegrados, se tornaram inexistentes, todos eles, pois não compreendia a inveja e outros alicerces que os demais fazem ser tão essencial, e eu acredito ser tão banal, alimentar a inveja, ganância, avareza e outros monstros, os das falácias, são seres que vibram em energia propícia, para a maldade adentrar na vida dela, cultivam o ódio pelo próximo, acreditam ter a
Leer más
Em Prol da Benção, Parte IV
Entre elas“[...] Vós escolheis a companhia da filiação do grêmio dos estudantes, logo eu que sei de verso e cor, todos os apetrechos desse viés virtual, quis se consagrar, no modismo comum, não quis aceitar o convite de ir além, o destino não me trouxe de volta, isso vejo que sincero da sua parte não foi, mas se arrependido estou, vós sabeis que o fruto que plantaste irás colher na mais cruel das espécies, vós bem sabeis, no domingo sacro, desvirtuaram a inocência da criança, em uma aposta, ou uma quermesse, lembro aos gritos e sussurros, que dizia, para amar-te enquanto o amanhã
Leer más
Em Prol da Benção, Parte V
O Artista Célebre“[...] Ele era um ser excêntrico, pensava fora dos padrões sociais comuns, era expoente das adjacências da banalidade humana, era eloquente, possuía em sua mão o tridente da sabedoria, estava eternizado como um herói, que expôs as mazelas sociais, as loucuras rotativas da mídia e a propagação por notícias escusas, elas faziam o seu teatro, a mesma que a noticiava, ela que estava ligada com o crime organizado, em vários níveis, desde as drogas, até a canalização de energia vampirizada, noticiava também o homicídio, assim como investiam em vida
Leer más
Além do Infinito, Parte I
A Jornada no Infinito (Ele ouviu a voz do Xamã Lisérgico do movimento contra cultural, avesso ao capital, ouviu a fórmula mágica, amassar os remédios pôr para ferver com ácido cítrico por dois minutos, beba e vá se deitar) Gabriel

Leer más

Além do Infinito, Parte II
A Moda Antiga Alehandra Sheilla, transexual, perguntava-se diariamente o porquê de sua vida ter assumido planos diferentes, daquela criança que se sentia uma mulher na pele de um homem, desde sua infância não se encaixava nos padrões convencionais, o seu pai de sangue sempre a reprimia, quando no seu toque sutil afem
Leer más
Além do Infinito, Parte III
InebriadoEle era um adolescente, que estava se acostumando a pensar fora dos paradoxos padrões, frequentava um excelente colégio na cidade, mas convivia também com a turma do gueto, aqueles aos quais são motivo de escárnio e estão na roda social do tiro da morte na aposta dos conversadores, ele estava distraído em sua casa, quando chega a porta um amigo o chamando para fazer uma cobrança para a mãe do respectivo amigo.- Lucio,
Leer más
Trovas Iluminadas
O Desmoronar A pirâmide social, que governava, em níveis internacionais, agoraDesmorona, com todas as suas forças, aquilo que era parte do

Leer más