Sob a tempestade

Sob a tempestadePT

Carol Moura  En proceso
goodnovel16goodnovel
0.0
Reseñas insuficientes
3Capítulos
111leídos
Leer
Añadido
Denunciar
Resumen
Índice

Quando um astro de Hollywood chega ao fundo do poço e não pode mais cometer erros, ele assina um contrato com os produtores de um novo filme para mostrar uma outra versão de si. O bom moço Hunter Ross. Isso significa nada de drogas, álcool, orgias e muito menos agredir paparazzi por aí. Mas quando ele vê uma garota de programa ser espancada em um beco sujo, Hunter não pode ignorar e simplesmente ir embora. Mesmo que seu envolvimento com ela seja exatamente o que seu contrato proíbe. Porém, a atração está lá e nenhum deles consegue resistir por muito tempo. Não se trata apenas de química. É tempestade.

Leer más
Comentarios Deje su reseña en la aplicación
No hay comentarios
3 chapters
PRÓLOGO
HUNTER ROSS — O que você quer de mim?Minha pergunta ecoou pelo local, conseguindo soar mais alto que o barulho do oceano batendo contra as rochas. O som que tanto me acalmava, naquele momento, poderia passar a ser a mais perturbadora das músicas. Seus belos olhos cor de violeta, tão adoráveis, redondos e esperançosos me analisavam com medo. Jamais quis que tivesse medo de mim. Nunca fora a minha intenção. Pegando o ar para finalmente me dizer o que queria, ela levou a mão trêmula em seus cabelos, tentando domá-los e fazê-los parar de ricochetear pelo seu rosto por causa do vento. Seu pequeno nariz estava vermelho pelo ar frio que nos assolava, entretanto, pelas lágrimas se acumulando nos seus olhos, sabia que em breve a vermelhidão teria outro responsável. Seu choro. — Queria o seu amor, Hunter. Então, percebi que n&
Leer más
UM
— Nada me faria mais feliz do que ter você em meus braços. Sentir sua pele contra a minha, seus lábios nos meus, ter meus dedos passeando pela sua... Puta que pariu! — Joguei o script na mesa e levei minhas mãos à cabeça, naquelas horas eu sentia falta de ter o cabelo mais comprido, apenas para poder puxar. Era bom que eu o estava deixando crescer para aquele papel, algo me dizia que puxaria muito. — Eu não vou fazer essa porcaria de filme!— Joguei a ameaça vazia.— É claro que você vai fazer, é isso ou ser cortado de Hollywood para sempre. Quer terminar a sua carreira fazendo filme de baixa produção para a Lifetime ou atuar em um episódio de reconstituição de crime da Discovery? Tenha dó, Hunter! Sabe muito bem que está apenas colhendo o que plantou ao longo dos últimos anos.— Nã
Leer más
DOIS
Enquanto a equipe passava pela porta, se retirando do quarto, comecei a arrumar a minha própria mochila, separando meu boné de baseball surrado e o ray-ban que eu costumava usar na tentativa de passar despercebido pelas pessoas na rua.— Não vai ficar no hotel? — questionou, Shelly. — A diária está paga até amanhã.— Você pode ficar, eu vou para Malibu — avisei, terminando de me organizar e assim, partir.— Tudo bem, vou ligar e pedir para prepararem o seu carro. Precisa que eu chame Smith para a sua segurança?— O Bugatti é novo, está sem placa e até onde sei ninguém descobriu que ele é meu ainda. — Dei de ombros. — Acho que posso ir para casa.Ela assentiu sem dizer nada.Sempre que tentava falar do assunto que eu simplesmente queria esquecer, ficava daquela forma depois. Demorava dias para
Leer más