Shahnaz - Orgulho do Imperador

Shahnaz - Orgulho do ImperadorPT

Weenny Alves   Recién actualizado
goodnovel16goodnovel
0.0
Reseñas insuficientes
108Capítulos
1.9Kleídos
Leer
Añadido
Denunciar
Resumen
Índice

De um lado Shahanshah o grande e temido Imperador da Pérsia, cujos interesses são galgar vitórias e territórios para seu império, preparando sua herdeira como sucessora, para manter seu legado vivo... Do outro a Princesa Shahnaz, que anseia por liberdade, ao contrário de outras damas da realeza, rejeita o casamento arranjado, guarda um ousado sonho que seu pai jamais aprovará e para isso arriscará tudo o que tem, inclusive sua posição de orgulho do Imperador. O guerreiro Jahangir Azimi surge na vida de Shahnaz para mudar completamente seu futuro e destino. Muitas intrigas, confrontos, segredos, surpresas, risos e romance te esperam nessa trama.

Leer más

También te gustarán

Comentarios Deje su reseña en la aplicación
No hay comentarios
108 chapters
Capítulo 1
O Narrador: Durante uma extenuante e árdua batalha o Imperador Babar II morre e como não deixa herdeiros, é a ocasião propícia para o general Shahanshah tomar posse do império, uma vez que conta com o apoio da maioria dos nobres persas, mas para obter sucesso, há que debelar uma rebelião, situação que controla com maestria, demonstrando todo o seu poder e vigor. Eis que durante seu reinado, Shahanshah trava muitas guerras para conquistar as províncias ao derredor e seu esplendor é maior a cada batalha vencida, a cada território, exército e povo conquistado. É temido e admirado por todos, um Imperador impassível, irredutível e austero e gosta que seja assim, não pode fraquejar em nenhum momento. Vive na capital do império, Persépolis, no forte ou palácio real, com a Imperatriz Vahsti, sua primeira esposa, com todas as demais consortes e concubinas, a Princesa Shahnaz, sua filha mais velha, de quem se orgulha muito e que se parece muito
Leer más
Capítulo 2
O Narrador: Então Shahanshah segue para os seus aposentos com Vashti, se despoja da armadura e de toda a imundície e entraja as vestes reais, seguindo para o banquete em seguida, sem ao menos se importar com a esposa, mais uma vez. Aprecia o banquete em sua homenagem e o silêncio de suas esposas, seguem para o templo a fim de cumprir seu dever moral e retornam ao palácio. Deixa a família e segue direto para a sala do trono. Manda convocar sua corte para que estejam mais uma vez em sua presença, desta vez para uma importante reunião. — Exijo que façam um levantamento de todos os povos e territórios que estão sob meu domínio, general Faridoon.  — Apresentar-te-ei agora mesmo, Majestade, veja nesse mapa. Assíria, Armênia, Mesopotâmia, Média, Susa, Pérsia, Hircânia, Pártia, Bactriana, Aracósia, Gedrósia, Babilônia, Damasco, Jerusalém, Pasárgada, Persépolis, Assur, Ninive. – Faridoon diz e mostra no mapa as regiões ganhas nas
Leer más
Capítulo 3
Jahangir Azimi POV: Sigo para a área de treinamento e o general está me esperando, faço uma reverência para ele. — Sou uma pessoa como você, não faça essa saudação para mim, rapaz. Você é o Jahangir Azimi? – o general diz. — Sim, senhor. – eu digo com firmeza. — Vamos começar vendo o quanto você pode correr, comece. – o general diz e eu começo imediatamente a correr por toda a área, confesso que eu pouco tempo estou cansado, mas continuo a correr, pedindo à Ahura-Mazda para que o general peça para eu parar, mas demora um bom tempo e quase me leva a exaustão. Sinto alívio quando ouço sua solicitação para deter a corrida e o suor banha o meu corpo, tento recobrar o meu fôlego o mais breve possível, o faço com as mãos sobre os joelhos, mas os olhos atentos ao general e suas solicitações. — Está cansado? – general Faridoon pergunta e eu nego, ainda resfolegando. — Muito bem, então vamos para o segundo exercício. Q
Leer más
Capítulo 4
Princesa Shahnaz POV: Volto apressada até a árvore e vejo as damas vindo ao meu encontro. — Onde estava, Princesa? – Zena pergunta, genuinamente preocupada e depositando um cesto na grama. — Admirando a paisagem, o que mais me é permitido fazer? – disfarço a minha euforia do encontro mentindo. — Muitas coisas, não seja injusta. O grande Imperador sempre faz as suas vontades, afinal deixa Milady treinar como um homem e faz questão de lhe ensinar as artes da luta, além disso pode bordar, cerzir, cozinhar, dançar, cantar, tocar instrumentos, ler, passear pelo palácio, andar a cavalo, brincar com os animais... – Lila diz e eu a interrompo. — Viver presa no palácio... – digo.  — Ainda às voltas com essa história de sair do palácio? – Pari pergunta. — Sim, quero ter mais liberdade. – digo com veemência. É verdade que o meu pai, apesar de ser rígido e muito austero com todos, até mesmo com meu irmão e a I
Leer más
Capítulo 5
Princesa Shahnaz POV: Observo com atenção ao meu redor, a grande porta dupla de madeira maciça e ouro, as paredes em tons bege decoradas e entalhadas com desenhos persas em dourado, a cúpula superior vermelha com desenhos entalhados em dourado, o grande vitral colorido que ocupa a parede toda da antessala, o tapete persa vermelho e bege estendido no meio do ambiente e sobre ele uma mesa e sobre ela uma toalha vermelha e dourada estendida, quatro grandes poltronas confortáveis e macias ao redor, um grande lustre de ouro acima. Sigo pelo corredor e a decoração das paredes seguem o mesmo tom de bege e dourado com desenhos entalhados, vejo mais um grande vitral colorido que ocupa uma boa parte da parede e uma janela do outro lado, uma mesa com pergaminhos e penas, dois baús, poltronas macias e confortáveis vermelhas, tornando-se uma sala de leitura e descanso. Continuo minha caminhada e chego na câmara de vestir e no quarto de banho, com portas d
Leer más
Capítulo 6
Princesa Shahnaz POV: Desperto com o movimento das minhas damas na minha alcova. — Bom dia. Vamos, Princesa, seu banho está pronto. – Lila diz. — Bom dia. Vamos. – digo e me espreguiço. Sigo com elas para o quarto de banho, tiro minhas roupas de dormir e entro na tina, elas esfregam meu corpo e eu me deleito na água em temperatura tão agradável. Logo saio e me enxugo. Pari e Zena pegam no meu armário o vestido rosa e me vestem, ele é justo na cintura, tem um cinturão bordado, mangas longas e largas, penteiam os meus cabelos e os deixam levemente presos e põe o véu da mesma cor do vestido sobre eles, nos meus pés as sapatilhas e as joias que toda a Princesa deve usar, brincos, anéis, pulseiras e colar. Vamos ao salão do banquete para a primeira refeição do dia e não vejo o Imperador, imagino que esteja em conferência com seus nobres, a julgar pela expressão insatisfeita da grande esposa real. As esposas secundárias estã
Leer más
Capítulo 7
O Narrador: No palácio: Todos os sessenta e quatro súditos do império adentram a sala do trono temendo e tremendo diante do grande Imperador Shahanshah, mas não ousam lhe dirigir olhares ou palavras, apenas lhe fazem uma reverência e deixam as mãos à frente do corpo. — Convoquei-os à minha presença porque hoje escolherei dentre vós dezoito homens que me servirão como coletores de impostos a quem chamarei de Sátrapas, nas províncias, as quais designarei de Satrapias. Os senhores foram indicados para uma posição de alta confiança em meu império e devem agir de acordo ou sofrerão as consequências de seus atos. – o Imperador diz com sua expressão impassível e austeridade na voz e todos mantém o silêncio. Shahanshah levanta e observa os homens, os chama pelo nome e faz algumas perguntas, Shahnaz observa tudo para aprender com o pai, alguns deles ao serem chamados se encolhem, tamanho é o pavor de seu Soberano. — F
Leer más
Capítulo 8
O Narrador: No Palácio: Isso faz sentido em seu coração e mente, Vashti precisa proteger seu filho do perigo, ele é ainda só um menino e não faz ideia das intenções daquela mulher e dos seus jogos de poder. Até onde ela será capaz de ir contra o herdeiro do trono? — Vocês têm razão, minha postura será diferente a partir de agora, agradeço por serem francas comigo a respeito de tudo e me contarem o que ouvem pelos corredores do harém. – Vashti diz e encerra o assunto. Vai ao quarto de banho, relaxa na tina por algum tempo, enquanto as damas lhe esfregam o corpo, sai e tem seu corpo enxugado, é vestida com suas roupas reais e vai repousar em seu leito solitário, pensando em quais medidas tomará a partir de amanhã. Shahanshah tem uma espetacular noite com Atefeh, ela sabe como lhe distrair, mas quando começa a lhe falar sobre os assuntos do harém o aborrece e ele a manda embora, deixando-a frustrada. Asht
Leer más
Capítulo 9
Jahangir Azimi POV: Desperto ainda antes do raiar do sol, arrumo minha cama e vou ao quarto de banho, me arrumo rapidamente e estou pronto para mais um dia de treinamento. Novos guerreiros estão sendo selecionados e chegam tão perdidos quanto eu, faço questão de ajudá-los em tudo o que posso. O general Faridoon nos lança em um treino exaustivo, que começa com uma longa corrida, exercícios físicos, cavalgada, duelo com espadas, lanças, uma pequena pausa para o almoço, duelo com punhais, arco e flecha, sempre encerra com uma pequena maratona de exercícios de força, então somos liberados para jantar, arrumar nosso alojamento e dormir. Hoje o general faz questão de me chamar, logo depois do treinamento, tenho receio de ter cometido algum erro, mas sigo em sua direção. — Senhor! — Descansar. Te chamei aqui para falar de Feroze Azimi. – o general diz, sem rodeios, me deixando desesperado. — O que aconteceu com meu pa
Leer más
Capítulo 10
Princesa Shahnaz POV: Mojgan retorna à minha alcova para avisar que o banquete do jantar está servido, sigo para o salão e encontro com todos, inclusive o Imperador, que me olha com uma expressão autoritária. A refeição acontece em silêncio e assim que terminamos, somos dispensados para retornar para nossas alcovas. Minhas damas desistem de me perguntar qualquer coisa, preparam meu banho, entro na tina e desfruto desses momentos, me enxugo e elas me arrumam rapidamente para que eu possa repousar. Desperto antes do nascer do sol e percebendo o meu movimento na alcova, minhas damas adentram e vem me servir, elas dormem no aposento anexo ao meu. Preparam tudo no quarto de banho e eu entro na tina, esfregam a minha pele e logo saio e me enxugo, me vestem com um vestido marrom, acinturado e com bordados, mangas longas e largas, calço as sapatilhas, penteio os meus cabelos e os prendo, ponho o véu marrom por cima, as joias, colar, pulseiras
Leer más