Silêncio, mulheres gozando

Silêncio, mulheres gozandoPT

js_autora  En proceso
goodnovel16goodnovel
0.0
Reseñas insuficientes
12Capítulos
486leídos
Leer
Añadido
Denunciar
Resumen
Índice

Esta coletânea reúne contos eróticos femininos das mais variantes temáticas, com diversos tipos de mulheres. Traição, relacionamentos conjugais, fetiches e relações homoafetivas são algumas das narrativas que você encontrará nesse livro. ISBN: 978-65-00-31271-3  Esta obra intelectual encontra-se registrada nos termos e normas legais da Lei nº 9.610/1998 dos Direitos Autorais do Brasil.

Leer más
Comentarios Deje su reseña en la aplicación
No hay comentarios
12 chapters
Traição com hora marcada
19h. Confirmou o horário. Era tempo suficiente. Tinha que ser. Dois traços, dois traços azuis, escrevendo e… « Ok. Até daqui a pouco. » Visualizou, mas não o respondeu. O ônibus de 17h15 tinha acabado de chegar, não podia perdê-lo. Passou a catraca e buscou um assento ao fundo do transporte quase cheio. O dia de hoje não tinha sido nada fácil. Levantara às 4h30 da manhã, preparara a marmita do marido, se é que ainda podia chamá-lo assim; em seguida, ajeitara o café dos dois e fora se arrumar para o trabalho. Ele saiu sem nem lhe dizer tchau ou lhe dar um beijo demorado, quando como fazia no começo, antes das crianças. A casa que fizera faxina estava uma imundície. Cinquenta reais o dia pra fazer até trabalho de lavadeira. Absurdo.Até às 21h, suas filhas estariam no cursinho pré-vestibular. O marido só chegava depois das 22h. Não retornava para casa antes de passar na casa da outra, ou das outras, ela já nem sabia mais.Já em casa, ligara a televisão por costume. 18h2
Leer más
Quarto 312
O cheiro do filé ao molho de cerveja preta seduzia os seus lábios. Depois de uma tarde prazerosa no shopping com as suas amigas e dos incontáveis passos entre uma vitrine e outra, tudo o que Júlia queria era ter a sua fome saciada. A tarde no shopping fora um presente que se deram. Após dois dias do evento promovido pela universidade em que estudavam, elas estavam exaustas. Já tinham apresentado os resultados das pesquisas desenvolvidas por elas ao longo de todo aquele ano. Mereciam, assim, algumas horas de respiro, longe de todas as dezenas de colegas que as rodeavam.Quase todo o hotel havia sido reservado pela universidade para que esse recebesse os graduandos selecionados para apresentar as suas pesquisas científicas naquele evento anual. O hotel não era dos melhores, é verdade, mas fora esse hotel de duas estrelas que proporcionara a Júlia uma das melhores noites de sua vida.Foi no exato momento em que estava prestes a se servir do filé ao molho de cerveja preta
Leer más
Nas mãos da CEO
É muito difícil ser uma mulher no mundo dos negócios. Especialmente se você é uma mulher bem-sucedida, de 34 anos, que conseguiu fazer fortuna sem ter herdado alguma herança de um pai ou marido. Levo um gole do meu uísque aos lábios, fingindo não perceber o olhar de cobiça dos homens que me cercam. Não é muito difícil adivinhar o que se passa na cabeça deles. Eles veem uma loirinha de olhos azuis e já acham que ela está desesperada para ser acompanhante de luxo ou esposa de um velho rico.Eu, Fernanda Abrantes, sou dona de um grande império imobiliário, que se estende por todo o Sudeste do país. No entanto, eu mantenho a minha imagem em segredo, pois sei o quanto a minha competência pode ser subestimada em função da minha aparência.Eu me formei em Contabilidade aos vinte anos e, modéstia à parte, eu sempre fui muito inteligente. Eu comecei a investir no mercado de ações e à medida que eu ganhava dinheiro, eu o fazia render a partir dos investimentos mais potenciais d
Leer más
Depois da briga
Arrumou a cama, tirou a roupa e deitou-se de costas para o marido. Foi pouco antes do jantar. Ana tinha visto uma notícia num site sobre uma certa personalidade artística e elogiou o trabalho dela. Carlos, por sua vez, discordara da esposa. Ele não gostava da personalidade em questão por conta de determinados comportamentos que ela tivera e que ele não concordava. Ana então se irritou. Afinal, para ela, não fazia sentido julgar as ações de uma pessoa que ela sequer conhecia pessoalmente. Além disso, ela não achava certo que o marido quisesse dizer o que a artista deveria ou não fazer com o corpo dela. Por fim, Ana o deixou falando sozinho. Sabia que se continuasse insistindo no assunto, o clima entre eles só pioraria. Durante o jantar, Carlos tentara amenizar o clima entre eles, falando de coisas que estavam numa zona segura, sem possibilidade de conflito. Ana baixou a guarda, e eles terminaram o jantar harmoniosamente. Entretanto, assim que o marido terminara de c
Leer más
A primeira vez, a gente nunca esquece
A gente nunca esquece a primeira vez, não é? Mas calma... Eu vou te contar tudo desde o começo. Eu estava com muita raiva de mim. Sério mesmo! Eu passei dois anos da minha vida nutrindo amor por um cara que não me dava à mínima e, consequentemente, eu não conseguia ficar com nenhum outro cara.O Estevão era o meu amigo e também era o homem da minha vida, mas ele não sabia disso. Nós conversávamos o tempo todo sobre: Literatura, Física e banda Angra. Eu nem gostava das duas últimas, mas ficava estudando a teoria dos buracos negros e ficava ouvindo as músicas da banda de power metal só para agradá-lo. Eu acho que o Estevão me amava também, ele só não tinha coragem de admitir isso. Uma amiga da minha mãe dizia que, aos dezesseis anos, uma mulher já sabe reconhecer quando um homem está interessado por ela, logo, eu não poderia estar errada.No fim, acabou que o meu amor pelo Estevão era tão grande que eu não conseguia mais ficar perto dele só como amiga e decidi
Leer más
Sexo e café
Acordei sentindo a brisa fresca da manhã, e junto com ela, me veio a sensação de uma leve dormência nas pernas. Também não era para menos, depois de eu e Caio termos feito amor por horas a fio. Algumas mulheres dizem que os homens perdem o romantismo após os três primeiros meses de namoro. Em quase dois anos de casamento, eu posso dizer com convicção que isso não é verdade. Ao menos, no nosso caso não o é.Caio alugou uma linda casa na praia para passarmos o fim de semana juntos. Segundo ele, precisava de um tempo a sós comigo para fazer sacanagem sem parar. O seu cargo, como gerente de um grande banco, e o meu, como editora-chefe de uma importante revista de moda, nem sempre conciliavam as nossas agendas. Especialmente nos dias em que eu mais necessitava do corpo gostoso dele no meu, se é que você me entende...Nós nos conhecemos numa boate. Naquela época, eu ainda era editora-assiste; ele, agente comercial. A boate tinha música sertaneja ao vivo... Não que eu tenha nada cont
Leer más
Feliz aniversário
Foi no dia anterior. Aline revelou para Lúcio que gostaria que ele a acordasse com trinta penetrações seguidas, em comemoração ao seu aniversário de trinta anos. Para ela, esse seria o presente perfeito.Há um ano atrás, o jovem casal não pôde celebrar as datas de seus respectivos aniversários juntos por motivos pandêmicos. No entanto, há exatos três meses, eles estavam partilhando o mesmo teto.No aniversário de trinta e três anos de Lúcio, há pouco mais de um mês atrás, Aline acordou cedo, pôs a sua depilação em dia, perfumou-se, e quando Lúcio acordou, Aline estava diante dele, quase que completamente nua, com um laço vermelho em torno da cintura. Ela era um pouco teatral… Então, Aline concedeu a Lúcio o seu presente de aniversário: ser chupado por ela tão logo ele acordasse. Em suma, Aline ajoelhou-se diante dele; com as pontas do laço vermelho voltadas para a sua bunda, e levou todo o pau dele à boca, chupando-o com gosto.Aline alimentava o fetiche de acordar
Leer más
Suja no banho
Eram 8h30 da manhã quando o despertador do celular de Maria tocou. Levantou-se,  desligou o despertador e arrumou a cama. Em seguida, foi ao banheiro, escovou os dentes, raspou a língua e tomou banho. Eram 8h50. Pedro deveria chegar às 9h30. Voltou para o quarto, pôs uma calcinha vermelha de renda, num modelo fio dental, colocou um vestido tubinho lilás, que destacava cada curva do seu corpo, e soltou os cachos grossos e escuros, deixando-os cair contra os seios. Perfumou-se, foi para a cozinha, comeu alguns pedaços de melão, retornou ao banheiro, fez a sua higiene bucal uma outra vez e pôs-se a esperar na sala de sua casa. Eram 9h28. Pedro, namorado de Maria, morava numa cidade vizinha à dela. 100km os separavam. Namoravam há pouco mais de um ano. Eles haviam se conhecido nos corredores da universidade. Pedro cursava Biologia; Maria, Análise de Sistemas. Eles eram bem diferentes um do outro, o que até então não era um problema para ambos. Como estudavam em uma univers
Leer más
Hora do almoço
Eram 11h27 quando Sandra começou a preparar o almoço. Primeiro, pegou o tempero pronto na geladeira (uma mistura de sal, orégano, cominho e corante) e o passou no peito de frango. Ela ia fritá-los. Porções para dois. Depois, ela pegou a tábua de plástico e a faca de corte no armário, para cortar uma cenoura em cubinhos. Em seguida, cortou meia cebola e dois dentes de alho medianos, também em cubos. Despejou-os numa panela larga e não muito alta, acrescentou um pouco de óleo de soja e meia colher de chá de sal. Ia refogá-los. Antes de ligar o fogo, ela pegou o arroz parboilizado no armário e pôs a quantidade de duas xícaras de chá numa peneira, lavando-o em água corrente. Então, ligou a panela e, após ter refogado a cenoura e os temperos, acrescentou uma colher de açafrão-da-terra à mistura. Por fim, colocou o arroz, misturou-o ao recheio, adicionou água à panela e deixou o alimento cozinhando em fogo baixo. Instantes depois, Sandra pegou uma panela larga e alta, ad
Leer más
Rapidinha
Do escritório, Mateus terminava de escrever o relatório que deveria ser entregue ao seu chefe no dia seguinte. Da sala, Clara corrigia as atividades respondidas por seus alunos do Ensino Médio naquela semana. Ela era professora de Português em um colégio da Educação Básica e em uma universidade federal. Clara alongou o pescoço para os lados. Via-se tensa. Ouviu passos no corredor e pouco tempo depois vislumbrou o marido adentrar o cômodo. Os pés descalços, o rosto marcado pelo cansaço, duas taças de vinho em mãos. Ele ofereceu uma das taças à esposa, e ela a recebeu de bom grado.— Como está indo aí? — perguntou Mateus.— Aparentemente, os meus alunos ainda não entenderam a diferença entre um adjunto adnominal e um adjunto adverbial. — Suspirou, chateada. — E você, terminou o relatório?— Sim, mas ainda preciso revisá-lo antes de enviá-lo ao meu chefe — informou. Clara desligou o notebook, retirou os óculos e foi sentar-se com o marido no sofá. Deu um gole
Leer más